Lanvin confia sua moda infantil ao grupo francês CWF

A marca parisiense de luxo, Lanvin, que foi adquirida em 2018 pela empresa chinesa Fosun International, assinou um acordo de licenciamento internacional envolvendo sua coleção de moda infantil com o grupo Children Worldwide Fashion (CWF). A linha infantil da marca era desenvolvida até então pela empresa italiana Simonetta desde 2017.


Lanvin confia sua moda infantil ao grupo francês CWF - Lanvin

O contrato entre a marca de luxo e a CWF envolve o design, a fabricação e distribuição de roupas, acessórios e calçados para meninas e meninos de 1 mês a 14 anos. A primeira gama de produtos concebidos pelo especialista francês em licença infantil está prevista para o outono-inverno 2020 e será inspirada nas coleções de Bruno Sialelli, diretor artístico da Lanvin desde o inicio de 2019, que tem a meta de relançar a marca.

A CWF continua investindo em colaborações com marcas de luxo. A empresa já desenvolve produtos para nomes como Chloé, Marc Jacobs, Karl Lagerfeld e Givenchy. Para esta última, a CWF abriu recentemente as primeiras boutiques de moda infantil na China, em Chengdu e Shenzen.

O grupo, que acaba de receber dois novos fundos em seu capital, Arkéa e Raise, adquiriu a marca francesa de moda infantil de luxo Charabia no final de maio. A marca foi criada há pouco mais de vinte anos pela estilista Lena Henriksson-Barenton (que trabalhou na Lanvin e na Chantal Thomass) e seu marido, o publicitário Eric Barenton, tem como principal produto vestidos de festa. A marca não possui mais lojas, mas é distribuída por meio de uma rede de quase 200 lojas multimarcas e lojas de departamentos em todo o mundo.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirColeção
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER