×
1 077
Fashion Jobs
GRUPO BOTICARIO
Analista de CRM ii – Venda Direta (Afirmativa Para Talentos Diversos)
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Analista fp&a i - Gestão de Verbas Comerciais
Efetivo · São José dos Pinhais
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Coordenador(a) de Compras de Eventos
Efetivo · São José dos Pinhais
RENNER
Product Owner (po) - Omnichannel
Efetivo · São Paulo
FARFETCH
Product Manager (Ecommerce Experience) - Farfetch Platform Solutions
Efetivo · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Especialista ii Treinamento Comercial Venda Direta - Franschising
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Compradora de Projetos Júnior - Híbrida - PR
Efetivo · São José dos Pinhais
MARISOL
Analista de CRM - São Paulo
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Gerente sr Comercial Lojas Boti (Nordeste)
Efetivo · Brasília
RENNER
Content & Performance Manager
Efetivo · São Paulo
VIVARA
Analista de Compliance Senior
Efetivo · São Paulo
MARISOL
Analista de CRM
Efetivo · Jaraguá do Sul
RENNER
Product Owner (po) | Marketplace – Onboarding de Sellers
Efetivo · São Paulo
RENNER
Product Owner (po) | Marketplace - Atendimento e Pós-Vendas
Efetivo · São Paulo
RENNER
Coordenador de CRM
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Estoquista o Boticário - Belém - PA
Efetivo · Belém
GRUPO BOTICARIO
Consultor(a) de Vendas Responsável - o Boticário
Efetivo · Curitiba
GRUPO BOTICARIO
Assistente Administrativo em Execução de Campanhas Promocionais | Temporário
Efetivo · São José dos Pinhais
GRUPO BOTICARIO
Analista de Estratégia de Segmentação e Jornada em Loja Iii - Afirmativa Para Pessoas Negras (Pretas e Pardas)
Efetivo · São José dos Pinhais
GRUPO BOTICARIO
Promotor Merchandising - João Pessoa
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Programa Jovem Aprendiz - Camaçari ba
Efetivo · Camaçari
CAEDU
Operador de Loja
Efetivo · Carapicuíba
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
27 de fev. de 2018
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

La Perla: aquisição surpreendente pelo grupo de investimentos Sapinda

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
27 de fev. de 2018

A casa de luxo La Perla mudou de mãos, embora o nome do seu novo proprietário seja uma surpresa. A marca especializada em lingerie, que diversificou a sua oferta ao prêt-à-porter, anunciou há algumas semanas ter entrado em negociações exclusivas com o grupo chinês Fosun, que acabou de adquirir a Lanvin. Mas, as negociações não chegaram a bom porto, o que abriu espaço para o Sapinda, um grupo de investimentos com sede em Amsterdão.


Coleção primavera-verão 18 - La Perla


Proprietário da marca desde 2013, Silvio Scaglia, através da sua holding Pacific Global Management, havia restruturado a La Perla e procurava há vários meses um comprador. Em tempos com dificuldades financeiras, a marca originária de Bolonha relançou-se com a diversificação da sua atividade, especialmente com um impulso dado pelo prêt-à-porter, tanto feminino como masculino, apresentando-se agora como uma marca de luxo lifestyle.
 
Depois de ter mudado a sede para Londres, embora mantendo os ateliers em Bolonha, a La Perla perde mais laço com Itália ao passar das mãos de Silvio Scaglia para as da Sapinda.

Sob a direção artística de Julia Haart durante quase dois anos, a marca conta hoje com 150 pontos de venda em todo o mundo, graças ao desenvolvimento asiático levado a cabo nos últimos anos. A La Perla é uma marca italiana histórica, fundada nos anos 50 por Ada Masotti em Bolonha, onde ainda fabrica algumas das suas coleções, mas recorre cada vez mais ao “made in Europe”.  
 
“Estamos encantados por a Sapinda ter adquirido a La Perla para dar continuidade à sua visão de criar a primeira marca mundial de moda de luxo que explora a imaginação feminina em todas as suas facetas”, declarou Silvio Scaglia num comunicado. “Conheço a Sapinda e o seu CEO Lars Windhorst há vários anos e trabalhei com ele diversas vezes no passado. Sei que a Sapinda tem os recursos necessários para levar a La Perla para um novo patamar e prosseguir com a minha visão de construir uma marca de luxo mundial, mantendo a produção na Europa”, acrescentou Scaglia.
 
“Silvio e a sua equipa fizeram um excelente trabalho no desenvolvimento da empresa num setor que continua a demonstrar um enorme potencial de crescimento”, afirmou por seu lado o CEO da Sapinda. “Estamos prontos para investir mais, melhorar o desempenho financeiro da empresa e continuar a implementar a visão de Silvio para a La Perla e as suas criações ‘Made in Italy’. Temos vindo a tentar investir no setor do luxo há algum tempo e, após termos analisado uma série de oportunidades nos últimos meses, estamos felizes por termos chegado a acordo com a La Perla.”
 
A Sapinda Holding é uma estrutura de investimento holandesa com escritórios em Amsterdão, Berlim e Londres. Em Londres, as suas instalações situam-se no 23 Savile Row, uma das raras ligações do grupo com o mundo da moda. O grupo de investimentos apresenta-se muito sucintamente no seu site como uma estrutura fundada em 2009 por um pequeno número de empresários e famílias ricas desejosas de aproveitar oportunidades de investimento na Europa, África Subsaariana e Ásia. Concretamente, a Sapinda Holding opta por investir ou em organizações em dificuldades, muitas vezes através de uma sociedade com sede no Luxemburgo, ou em start-ups. Os seus setores de eleição são o da energia e mineração ou as novas tecnologias.
 
O rosto desta estrutura é Lars Windhorst, cofundador do grupo, herdeiro de uma empresa industrial alemã e apresentado como “flamboyant” pela imprensa financeira. Windhorst teve um historial de bancarrota na Alemanha antes de se relançar em Inglaterra, e os seus métodos são por vezes muito agressivos para o suave meio financeiro… com o seu grupo a defender regularmente os seus casos perante os tribunais.
 
A estratégia da Sapinda com a marca italiana será, portanto, acompanhada de perto nos próximos meses.

Copyright © 2023 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.