×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
9 de jul de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Kim Jones acerta em cheio com a Alta-Costura da Fendi

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
9 de jul de 2021

Podem ter sido necessárias três coleções para chegar neste ponto, mas o desfile de outono / inverno 2021 de Kim Jones para a Fendi provou que o estilista britânico tem total domínio sobre a marca romana, com uma exibição de roupas sucintamente refinadas e de bom gosto.

Fendi Couture Autumn – Winter 2021


O seu look de abertura foi simplesmente deslumbrante: um casaco cortado cirurgicamente, usado com o colarinho para cima, em tonalidades giz, cru e jacquard branco, ostentado por uma beleza sorridente, que apareceu debaixo de um arco.

Fazendo bom uso do poder da marca, Kim Jones encenou o seu vídeo em um cenário que imitava a sede mundial da Fendi, o Palazzo della Civiltà Italiana, um exemplo puramente icônico de arquitetura racionalista projetado em 1938 por três arquitetos italianos: Giovanni Guerrini, Ernesto La Padula e Mario Romano.

Num arco estreito da parte superior da casa surge um belo Don Juan, amante latino vestido com um casaco ajustado de gola Nehru cortado num tecido estampado com flores. O mesmo tecido foi usado num vestido plissado no modelo seguinte.


Fendi - Alta-Costura - outono-inverno 2021/2022 - Foto: Cortesia da Fendi


Com “Arbenita”, o coro espiritual de Max Richter, tocando a trilha sonora e levantando o ânimo, o elenco desfilou diante de um fundo de pinturas metafísicas. Um elenco multinacional e inclusivo, com vários acessórios estilosos, desde bolsas clutch incrustadas de mármore até brincos de ânfora com o logotipo 'F' duplo.

Em alguns momentos, tudo um pouco transparente e ousado demais, antes de se endireitar de repente. Uma composição revelou-se particularmente sublime com quatro supermodelos vestidos com roupa de renda Guipur muito densas com os elementos de tecido dispostos com tanta arte que quase parecia uma armadura de fantasia renascentista.

Como em sua estreia na Semana da Alta-Costura de Paris, onde apresentou várias modelos de meia-idade e as filhas, Kim Jones escolheu as estrelas veteranas das passarelas: Christy Turlington em um vestido de renda refinado ou Amber Valletta em um grandioso vestido de mármore com cauda.


Fendi - Alta-Costura - outono-inverno 2021/2022 - Foto: Cortesia da Fendi


A câmera então focou na célebre Kate Moss, antes de uma imagem final, mostrando todas as modelos como imperatrizes romanas, em frente a um panorama da "Cidade Eterna" modernista De Chirico.
 
Ironicamente, embora a Fendi se contente em alugar o Palazzo della Civiltà Italiana em Roma, a marca tornou o edifício, muito arraigado, uma parte fundamental da sua imagem internacional. Kim até utilizou os mesmos arcos como suporte em alguns fantásticos sapatos de plataforma.

Embora o mandato de Kim Jones seja para o pronto-a-vestir feminino, houve muitas ideias de vestuário masculino neste show que parecia ser uma resposta aos muitos elogios recebidos pela designer de moda masculina italiana, Silvia Fendi, pela coleção que apresentou em junho. O vídeo de Silvia foi filmado pelo seu enteado, no interior do verdadeiro Palazzo della Civiltà Italiana.


Fendi - Alta-Costura - outono-inverno 2021/2022 - Foto: Cortesia da Fendi


Em suma, após dois desfiles – o de Alta-Costura, seguido pelo de prêt-à-porter – nos quais Kim não tinha exatamente conseguido brilhar, mas ele conquistou um momento bastante especial esta semana. Apresentando na Semana da Alta-Costura de Paris, mas com a concepção em Roma. Não foi exatamente um home run, mas definitivamente um desempenho notável.

De acordo com essas evidências, Jones, que tem muito sucesso como designer de moda masculina da Dior, tem o posto de dominar a alta-costura feminina.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.