×
Por
AFP
Publicado em
27 de abr. de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Kanye West é oficialmente um bilionário Forbes

Por
AFP
Publicado em
27 de abr. de 2020

O rapper Kanye West, também conhecido por Ye ou Yeezy, cantor, compositor, produtor musical e estilista americano, é agora um bilionário reconhecido oficialmente pela Forbes, em grande parte graças aos tênis de basquete que levam seu nome, desenvolvidos com a Adidas.


Kanye West é o segundo rapper americano a integrar a lista da Forbes, depois de Jay-Z - Instagram; Kanye West


O valor aproximado da riqueza do marido de Kim Kardashian é de 1,3 bilhão de dólares, disse a revista Forbes na sexta-feira (24), ao anunciar que o músico está agora na sua lista de pessoas que possuem uma fortuna de, no mínimo, um bilhão de dólares.

O calçado Yeezy, do rapper nascido em Chicago, de 42 anos, é vendido nos Estados Unidos e em outros países e custa normalmente mais de 200 dólares.

Kanye West esteve associado à Nike durante anos, mas se desligou da empresa em 2013, emprestando o seu nome à Adidas para juntos lançarem o primeiro par de tênis em 2015.

A Forbes disse que há anos West tem pressionado a revista para ser referenciado em sua lista de bilionários, mas que nunca conseguiu por falta de provas.


Calçado Yeezy do rapper Kanye West - Dr


A revista disse em tom de brincadeira que, durante anos, aplicou a West o que chama de regra de Trump: "pegue o que o futuro presidente insiste que vale, divida por três e comece a aperfeiçoar a partir daí". Segundo a Forbes, grande parte da riqueza de West vem de seus imóveis.

West é o segundo rapper americano a fazer parte da lista da revista Forbes, depois de Jay-Z. A fortuna deste último, se mantém estável em um bilhão de dólares, quase um ano depois da Forbes tê-lo colocado pela primeira vez como o primeiro bilionário do hip-hop.
 

Copyright © AFP. Todos os direitos reservados. A Reedição ou a retransmissão dos conteúdos desta página está expressamente proibida sem a aprovação escrita da AFP.