Indústria mexicana exportou mais de 180.000 dólares em calçados para o Brasil de janeiro a maio

De janeiro a maio de 2019, a indústria calçadista mexicana enviou um total de 182.113 dólares em pares de calçados e componentes, como solas, saltos e palmilhas para o Brasil, um aumento de 35,8% ao registrado no mesmo período do ano anterior, informou a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) em seu último relatório.


A indústria calçadista mexicana exportou mais de 180.000 dólares para o Brasil de janeiro a maio de 2019. - Foto: Duong Tran Quoc - Unsplash

Quanto ao volume exportado nos cinco primeiros meses do ano, a Abicalçados destacou que foram enviados 22 317 quilos de sapatos, peças e produtos para a fabricação de calçados. Isso representa um aumento de 14, 8% em relação ao período de janeiro a maio de 2018.

O México continua sendo um dos principais fornecedores de componentes de calçados para o Brasil, com embarques de 147.702 dólares nos primeiros cinco meses do ano, o que representa um aumento de 72,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Em relação ao volume, a exportação da categoria alcançou 8 757 quilos, com um aumento anual de 39,6%. 

De acordo com o relatório da Abicalçados correspondente aos cinco primeiros meses de 2019, no ranking mundial o México conseguiu se reafirmar junto a Paraguai, Argentina, Colômbia e Nicarágua como os únicos fornecedores latino-americanos de calçados e componentes para o mercado brasileiro.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - CalçadosIndústria
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER