×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
4 de out. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Hermès mostra a sua versão mais hipster na Semana da Moda de Paris

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
4 de out. de 2021

Foi notória uma grande injeção de modernidade na Hermès nesta temporada. Quase como se a mulher Hermès se tivesse mudado para um loft em Brooklyn (Nova Iorque); ou para uma galeria de arte em Hackney (Londres); ou estivesse trabalhando em uma novela em Ostiense (Roma). Ao estilo do centro da cidade, com uma pitada de malícia.
 

Hermès - primavera-verão 2022 - womenswear - Paris - © PixelFormula


Utilizando cortes inovadores e uma série elegante de novos estilos de couro, a designer interna Nadège Vanhee-Cybulski tirou uma década do mercado alvo da marca para a primavera-verão 2022. E, de alguma forma, tornou a marca muito mais relevante.
 
A Hermès mostra sempre um luxo subestimado, mas este foi um novo eufemismo, com um toque de verve e uma rica ajuda de estilo.

Desde vestidos negligé com decotes profundos e bainhas de couro para vestidos cocktail com luvas habilmente pintadas com ares refinados, mas com uma pitada de rock. Enquanto os vestidos de casaco de lã fina cruzada com tachas injetavam um pouco de punk chic.
 
A grande ideia da designer foi brincar com adornos de couro em vestidos de juta e parkas de lona branca, mantendo o DNA equestre da maison.

Além disso, a nova sandália de plataforma da Hermès, feita de espuma de poliuretano e acabada com tiras de logotipo, é desgastante e, em qualquer ocasião, elegante mas prática. Em cor de caramelo ou preto e combinadas com meias combinando, estas sandálias transmitiram uma atitude mais dura à Hermès, que por vezes pode ser demasiado feminina e atrevida.

Mas não nesta estação, quando Nadège apresentou até bustiers de lã e um top de couro com cenas equestres pintadas, usado com dhotis a condizer. Acabando o desfile com vários maravilhosos vestidos de couro perfurado e casacos bandolier em um belo amarelo manteiga.


Hermès - primavera-verão 2022 - womenswear - Paris - © PixelFormula


O desfile foi organizado num hangar dentro de um terminal de jatos privados em Le Bourget, o histórico aeroporto de Paris. Um dos lados do hangar foi aberto no final, para revelar o elenco em frente ao aeródromo. Para assistir ao evento, a Hermès insistiu que todos trouxessem as suas limusines para o desfile e depois pediu aos condutores que colocassem a sua lista reproduzida do Le Bourget nos carros.

Um triunfo para Vanhee-Cybulski e um importante passo em frente para a Hermès. Um dia nem sequer marcado por um pandemônio da moda fora do desfile, já que VIPs e influencers pediam limusines entre lágrimas debaixo de chuva. Com o prêmio para o maior ataque de pânico para um diretor italiano nervoso. 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.