×
Publicado em
8 de mar de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Hermès abre loja remodelada em Saint-Germain

Publicado em
8 de mar de 2021

A Hermès reabriu sua flagship localizada no bairro de Saint-Germain-des-Près, em Paris. A loja, que passou por uma reforma, traz um ajuste significativo da oferta de produtos expostos em seções mais extensas.
 

Seção de joias e relógios da loja reformada. - Hermès


Situada à margem esquerda do Sena, a flagship de 1.300 metros quadrados destaca como a escolha de artigos de prestígio da marca de luxo mudou radicalmente na última década, com uma seção maior dedicada às joias finas e à moda; um espaço extra para os relógios e uma seção de sapatos mais extensa.

“Quando a loja foi inaugurada, não existia a linha Petit H. Agora teremos uma seção substancial dedicada a ela”, explicou Florian Craen, vice-presidente executivo de vendas e distribuição da Hermès, referindo-se ao conceito ecológico da marca, que utiliza as sobras de toda a produção da Hermès.

O novo espaço abriga hoje todos os 16 métiers da Hermès, e ainda possui uma grande seção para o relógio Hermès Apple, “o que faz sentido, já que estamos em sua sexta geração”, sorriu Craen.
 
Localizada no número 19 da rua de Sèvres, a poucos metros do hotel mais impressionante da região – o Lutetia – e do outro lado de uma pequena praça no parque da loja de departamentos Le Bon Marché, o espaço é ideal para os parisienses abastados e os turistas mais intelectuais.
 

Seção de calçados remodelada - Hermès


O piso inferior desfruta de um pavimento em terrazzo estranhamente ondulado, os restos da calha de uma piscina Art Déco dos anos 30. A piscina, originalmente do histórico Lutetia (desde 1910), ainda está intacta enterrada sob o piso inferior. Enquanto as paredes internas parecem elegantes com um novo afresco colorido de 120 metros intitulado "L'Odyssée d'Hermès" (A Odisseia de Hermès), concebido pelo artista francês Matthieu Cossé.
 
A grande entrada da loja apresenta indiscutivelmente o produto mais icônico da Hermès, o lenço quadrado e colorido 100% seda, em um "túnel de seda", como referencia Hélène Dubrule, diretora executiva da Hermès França.
 
A França possui 22 lojas Hermès, que respondem por 10% do faturamento anual de cerca de sete bilhões de euros da marca. A Hermès possui 306 lojas em 45 países, e conta com 16.500 funcionários - 5.600 dos quais artesãos.
 
A loja de Saint-Germain desfruta também de estruturas gigantescas de madeira de freixo, tipo cabanas semitransparentes, que abrigam seções especiais; e um café elegante com uma grande coleção de botas expostas como obras de arte e fotografia; bem como um departamento de moda significativamente maior, graças a uma extensão para o edifício vizinho.
 
Há até uma pequena seção equestre elegante com várias selas ergonômicas e botas de montaria de aparência opulenta, as verdadeiras origens de uma marca fundada em 1837 como uma loja de arreios por Thierry Hermès.
 
“Não importa em que loja da Hermès você entre, sempre há uma seção equestre. É o DNA da marca”, diz Dubrule.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.