×
1 083
Fashion Jobs
GRUPO BOTICARIO
Analista fp&a i - Gestão de Verbas Comerciais
Efetivo · São José dos Pinhais
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Coordenador(a) de Compras de Eventos
Efetivo · São José dos Pinhais
RENNER
Product Owner (po) - Omnichannel
Efetivo · São Paulo
FARFETCH
Product Manager (Ecommerce Experience) - Farfetch Platform Solutions
Efetivo · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Especialista ii Treinamento Comercial Venda Direta - Franschising
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Compradora de Projetos Júnior - Híbrida - PR
Efetivo · São José dos Pinhais
MARISOL
Analista de CRM - São Paulo
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Gerente sr Comercial Lojas Boti (Nordeste)
Efetivo · Brasília
RENNER
Content & Performance Manager
Efetivo · São Paulo
VIVARA
Analista de Compliance Senior
Efetivo · São Paulo
MARISOL
Analista de CRM
Efetivo · Jaraguá do Sul
VIVARA
Analista de CRM sr
Efetivo · São Paulo
RENNER
Product Owner (po) | Marketplace – Onboarding de Sellers
Efetivo · São Paulo
RENNER
Product Owner (po) | Marketplace - Atendimento e Pós-Vendas
Efetivo · São Paulo
PUMA
Retail District Manager
Efetivo · São Paulo
RENNER
Coordenador de CRM
Efetivo · São Paulo
YOUCOM
Consultor de Vendas (Caxias do Sul) | Youcom
Efetivo · Caxias do Sul
CALZEDONIA GROUP
Vendedora - Calzedonia
Efetivo · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Tecnico de Qualidade
Efetivo · São José dos Pinhais
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Consultora de Vendas o Boticario - Nova Iguaçu - rj
Efetivo · Nova Iguaçu
GRUPO BOTICARIO
Especialista l - Analytics e bi (Afirmativa Para Talentos Diversos)
Efetivo · Curitiba
AVON
Gerente de Desenvolvimento da Rede Itinerante
Efetivo · SÃO PAULO
Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
20 de abr. de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Gucci vai retomar a fabricação de protótipos na Itália

Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
20 de abr. de 2020

A Gucci, principal marca de moda do grupo Kering, informou no sábado (18) que planeja reabrir as atividades de prototipagem em um de seus principais centros italianos na próxima semana, depois de chegar a um acordo com os sindicatos em relação às medidas de saúde e segurança para os trabalhadores.


Gucci - Outono-Inverno 2020 - Moda Feminina - Milão - © PixelFormula


A maioria das empresas e centros de produção foram fechados em março na Itália, devido ao bloqueio imposto pelo governo para tentar conter a disseminação do novo coronavírus. Até pelo menos o dia 3 de maio serão mantidas as duras restrições, mas ainda não há um plano claro de como e até onde as atividades serão retomadas.

A Gucci, uma das maiores marcas de luxo do mundo em vendas, disse em comunicado que um pequeno grupo de trabalhadores retomará a fabricação de protótipos de artigos de couro e calçados no centro ArtLab, localizado perto de Florença, a partir de 20 de abril. Um porta-voz da empresa observou que cerca de 10% dos 1.000 trabalhadores do centro de produção voltarão a trabalhar nesta fase.

"Isso nos permitirá lançar as bases para uma reabertura mais ampla de nossas fábricas e da cadeia de produção Made in Italy, quando forem liberadas", disse o presidente e CEO da Gucci, Marco Bizzarri, em comunicado.
 
Pesquisa e desenvolvimento são algumas das atividades permitidas pelo governo durante o bloqueio.
 
As medidas de segurança acordadas com os sindicatos à luz da reabertura parcial incluem turnos escalonados, testes de temperatura dos trabalhadores, fornecimento de máscaras e luvas, além da entrega de carros da empresa aos funcionários que não possuam carros próprios.
 
Nesta semana, os líderes italianos da moda pediram ao governo para retomar a produção antes do final de abril, alertando que uma paralisação prolongada pode prejudicar irreparavelmente o setor.
 
A gigante francesa de artigos de luxo, Kering, disse no mês passado que esperava uma queda de cerca de 15% nas vendas comparáveis do primeiro trimestre de 2020, quando o surto de coronavírus a forçou a fechar lojas, primeiramente na China e depois nos demais países.  
 
A Kering divulgará os resultados obtidos no primeiro trimestre no dia 21 de abril.

© Thomson Reuters 2023 All rights reserved.