Grupo Alpargatas vende fábrica de Catamarca, na Argentina

A empresa brasileira Alpargatas, proprietária das marcas Topper, Mizuno e Havaianas, está concluindo alguns detalhes para deixar sua fábrica têxtil na província argentina de Catamarca, que conta atualmente com 90 funcionários.


Divisão argentina da Alpargatas fecha sua fábrica em Catamarca, na Argentina. - Web Vía País

De acordo com a mídia local BAE Negocios, a compradora desta fábrica seria a empresa têxtil Fibran Sur. Essa nova medida segue o fechamento das fábricas de Chaco e La Pampa, em um contexto de recessão econômica na Argentina, com a subsequente queda da indústria têxtil.

Em 2018, a Alpargatas vendeu 22,5% da empresa para grupo Sforza, que planeja concentrar todas as suas operações na província de Tucumán, com foco nas marcas Topper, Mizuno e Havaianas.

O grupo Alpargatas tinha 3.700 funcionários no país em 2015 e hoje esse número foi reduzido para um terço. "A situação têxtil na província é muito grave. Perdemos 2.300 empregos no último ano. Tudo se complicou um ano e oito meses atrás. A fábrica de Catamarca tinha 480 funcionários e agora tem apenas 90. Esperamos que a empresa que compre a fábrica não demita os funcionários", disse à  BAE Business Jorge González, secretário-geral da Associação dos Trabalhadores Têxteis da província.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - CalçadosLuxo - CalçadosIndústria
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER