×
654
Fashion Jobs

Fimec vai reunir mais de 500 expositores do setor calçadista em Novo Hamburgo

Publicado em
today 25 de fev de 2019
Tempo de leitura
access_time 4 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Com mais de 500 expositores especializados, a Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes (Fimec) acontece entre os dias 26 e 28 de fevereiro em Novo Hamburgo (RS) nos pavilhões da Fenac.

‘’Para as empresas, expor na Fimec significa participar da maior feira do setor coureiro-calçadista da América Latina e a 2ª maior do mundo. Para o expositor, a Fimec é uma vitrine para lançamento de produtos, que permite estreitar relacionamentos e estabelecer parcerias profissionais’’, afirma o diretor-presidente da Fenac, Márcio Jung, em entrevista o Fashion Network.


Entre os dias 26 e 28 de fevereiro, feira reúne toda a cadeia coureiro-calçadista na Fenac, em Novo Hamburgo/RS - Divulgação



O tema desta edição é “Onde a indústria cria negócios” e, com isso, a Fimec pensou em diversas atrações que pudessem inspirar e ajudar os visitantes de alguma forma, como, por exemplo, as rodadas de negócios onde o participante tem a oportunidade de apresentar seu projeto por três minutos e iniciar uma negociação. O objetivo é estreitar os laços entre todos os profissionais e gerar negócios.

“A Fimec é a única feira do mundo que reúne toda a operação do setor coureiro-calçadista em um mesmo local. Desde a sua criação, a feira não parou de crescer e atravessou de maneira sólida os mais diversos momentos da economia, incluindo crises do setor, ameaças às exportações e crises internacionais. Em sintonia com as mudanças e novas necessidades do setor coureiro-calçadista e em parceria constante com as entidades setoriais, a feira se aperfeiçoa a cada edição, com foco na satisfação dos visitantes e expositores do setor’’, diz Márcio ao Fashion Network.
Uma rodada voltada para soluções e tecnologia é a novidade deste ano. O FF Exchange, realizado por uma parceria entre Abicalçados e seu programa Future Footwear, mantido em colaboração com as entidades setoriais Abrameq (máquinas), Assintecal (componentes) e CICB (couros) vai fomentar o relacionamento entre empresas e fornecedores do setor coureiro-calçadista visando à geração de negócios que solucionem os problemas do setor.
“A participação de empresas de tecnologia nas rodadas - e na Fimec - vem ao encontro dessa necessidade de mudança nas formas de produção. A presença desse setor, por si só, já instiga o empresário, até mesmo aquele mais resistente, para a necessidade de mudança”, destaca a gestora de projetos da Abicalçados, Roberta Ramos. “Fica cada vez mais claro que, sem o investimento em novas tecnologias, novos processos, produtos e formas de negócios, não iremos sobreviver por muito tempo, muito menos no atual patamar de quarto maior produtor de calçados do planeta”, complementa.

O evento também terá outras atrações, como o Projeto Comprador, que espera realizar cerca de 600 rodadas de negócios entre participantes do projeto e 10 compradores da Argentina, México, Equador, Peru, Colômbia e Índia. A expectativa de negócios é superar os USD 15 milhões atingidos na edição passada.

Já no Estúdio Fimec, o público entra em contato com matérias-primas e produtos finalizados e construídos a partir de pesquisas de moda baseadas no comportamento do consumidor. O espaço traz diversas tendências de moda que proporcionam um direcionamento para as criações dos visitantes. Neste ano, o tema será Rel@ções Convergentes, abordando o envolvimento virtual e as relações entre nativos da era digital e visitantes dessa era.

E na Fábrica Conceito os visitantes poderão acompanhar uma linha de produção em tempo real, com o uso das mais avançadas tecnologias. O projeto tem a participação de 70 empresas, desde fornecedores de matérias-primas até sistemas de gestão e controle da produção, além de máquinas e destinação dos resíduos industriais de fábrica. A Arezzo, por exemplo, mostrará um calçado produzido com o sistema de injeção direta na montagem e apostará em um conjunto de solado e palmilha interna de PU, com alta performance na absorção do impacto da pisada. No mesmo modelo de tênis casual, a Arezzo traz uma segunda inovação: solado branco, em PU, material extremamente confortável, mas que tem tendência a amarelar. Em parceria com a BASF, a indústria desenvolveu uma solução que resolve esta questão. A alta flexibilidade do solado também é resultado de pesquisa em parceria com IBTeC e os fornecedores da marca.
 

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.