×
908
Fashion Jobs
CAEDU
Gerente de Grupo Produto - Infantil
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Supervisor de Vendas - Barueri
Efetivo - CLT · Barueri
STUDIO Z
Coordenador de Planejamento Comercial
Efetivo - CLT · FLORIANÓPOLIS
GRUPO MEIA SOLA
Gerente de Marketing
Efetivo - CLT · FORTALEZA
GRUPO BOTICARIO
Executivo de Vendas ii (São Paulo)
Efetivo - CLT · São Paulo
LULITEX COM IMP EXP LTDA
Auxiliar Comercial
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
GRUPO LUNELLI
Analista de Gestão de Pessoas Pleno - Treinamento e Desenvolvimento
Efetivo - CLT · Guaramirim
GRUPO LUNELLI
Analista de Gestão de Pessoas - Assistente Social
Efetivo - CLT · Guaramirim
GRUPO BOTICARIO
Supervisor(a) de Lojas - Quem Disse, Berenice?
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
CAMICADO
Supervisor de Vendas e Operação de Loja - Brasília
Efetivo - CLT · Brasília
RENNER
Encarregado de Logistica E-Commerce
Efetivo - CLT · Rio de Janeiro
GRUPO BOTICARIO
Supervisor(a) de Lojas - o Boticário
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
GRUPO BOTICARIO
Product Owner E-Comm
Efetivo - CLT · Curitiba
IBRANDS
Líder de Logística
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Analista Gestão de Riscos Csc pl
Efetivo - CLT · Curitiba
AVON
Comprador Sênior
Efetivo - CLT · São Paulo
AVON
Comprador Sênior
Efetivo - CLT · São Paulo
RENNER
Supervisor de Vendas| Sobral Shopping - ce
Efetivo - CLT · Sobral
RENNER
Supervisor de Vendas | Rio Verde
Efetivo - CLT · Rio Verde
RENNER
Supervisor de Vendas| Imperial Shopping - Imperatriz ma
Efetivo - CLT · Imperatriz
RENNER
Supervisor de Vendas| Shopping Golden Calhau - São Luís
Efetivo - CLT · São Luís
RENNER
Supervisor de Vendas| São Luís Shopping
Efetivo - CLT · São Luís

Fashion Week de Milão: uma semana mais curta, mas rejuvenescida

Publicado em
today 15 de set de 2014
Tempo de leitura
access_time 3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Diante da concorrência aguerrida de Paris, Londres e Nova York, Milão está multiplicando os esforços para voltar a ganhar terreno. Mas os obstáculos permanecem e o relançamento tão aguardado da cidade como grande capital da moda tarda a chegar.

A Fashion Week dedicada às coleções femininas para a primavera-verão 2015/16, que se apronta para invadir Milão de 17 a 22 de setembro, anuncia assim um programa intenso e enriquecido de novos nomes e talentos, com um calendário que, no entanto, foi reduzido a cinco dias cheios contra seis na edição de fevereiro.

Roberto Cavalli, verão 2014. Foto: PixelFormula


Na realidade, mais uma vez os costureiros milaneses não apresentaram coesão, já que cada um preferiu tomar conta de si. Giorgio Armani, que encerrava habitualmente a semana desfilando na segunda-feira, decidiu antecipar seu espetáculo para o sábado, 20 de setembro, considerado um dia mais frequentado pela imprensa internacional. De repente, sua deserção da segunda-feira provocou a fuga generalizada de outras marcas, que preferiram abandonar este dia para se inserir mais cedo em um programa já bastante carregado.

Entre protestos e polêmicas, alguns estilistas escolheram desfilar fora do calendário. Resultado: os quatro primeiros dias contam com 13 desfiles diários, 11 no quinto dia, domingo... e 4 para o último dia, na segunda-feira 22 de setembro! No momento em que ela havia conseguido ampliar a fashion week de 4 para 6 dias completos, a Câmara da Moda Italiana deve assim se contentar de novo com um calendário reduzido, com um ar de certa tristeza.

Giorgio Armani. Foto: Ansa


No programa desta fashion week milanesa : 138 coleções e 36 eventos, 67 desfiles oficiais (aos quais se juntam 4 espetáculos fora do calendário, dentre os quais o da grife Dolce & Gabbana, no domingo 21 de setembro, que sempre integrou a Câmara da Moda) e cerca de 78 apresentações, contra 144 coleções, 65 desfiles e 81 apresentações no último mês de fevereiro.

A maratona, na qual se alternam com equilíbrio grandes grifes e jovens criativos, se diferencia nesta temporada pelo aumento de volume das novidades e dos nomes ainda pouco conhecidos, que se instalam pouco a pouco na paisagem, constituindo ao longo das temporadas o ponto nevrálgico de um novo Made in Italy.

A começar pela milanesa Chicca Lualdi, que abre a Fashion Week, na quarta-feira, 17 de setembro às 09h00. Stella Jean, Andrea Incontri, Fausto Puglisi, Cristiano Burani, Uma Wang, Marco de Vincenzo, Musso, MSGM e Au jour le jour também fazem parte desta nova geração de estilistas italianos.

Angelo Bratis, primavera-verão 2014. Foto : PixelFormula


Vale ressaltar também o designer grego Angelo Bratis, instalado há dois anos em Milão, onde desfilou pela primeira vez no ano passado. Ele abrirá também a semana, desfilando esta vez no imponente teatro disponibilizado por Giorgio Armani.

Dentre os nomes que operam sua estreia nos tablados milaneses, Elisabetta Franchi, cujo espetáculo está previsto para o sábado, 20 de setembro. Essa estilista de Bolonha lançou a sua marca, de inspiração urban chic, hiperfeminina, em 1998, e desfila em Milão para aumentar a sua visibilidade, buscando seu desenvolvimento internacional.

Outro novo nome, o nova-iorquino Nikolas K., que desfilará no dia 17 de setembro, no âmbito do concurso DHL Exported. Pela primeira vez, desfilará também I’M Isola Marras, a linha jovem do estilista sardo Antonio Marras (no dia 17 de setembro).

Um look de Elisabetta Franchi


Giambattista Valli, instalado desde sempre em Paris, escolheu, ele também, Milão para o lançamento da sua 2ª linha Giamba, que será revelada no dia 19 de setembro. Certamente um dos pontos fortes da semana, assim como o desfile de Jil Sander, desenhado pela primeira vez por Rodolfo Paglialunga.

Vale ressaltar, por fim, os jovens estilistas italianos Leitmotiv e Alberto Zambelli, que desfilarão pela primeira vez, em carreira solo em Milão, na segunda-feira, 22 de setembro... último dia da Fashion Week Italiana.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.