×
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
21 de nov. de 2022
Tempo de leitura
4 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Farfetch otimista apesar de queda no valor bruto de mercadoria

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
21 de nov. de 2022

Na apresentação dos seus resultados do terceiro trimestre, a Farfetch anunciou que, no período até ao final de setembro, o valor bruto de mercadoria (GMV - Gross Merchandise Value, em inglês) caiu.


Photo: Farfetch

 
O valor bruto de mercadoria diminuiu 4,9% em comparação com o ano anterior, para 967,4 milhões de dólares, embora tenha aumentado 4,2% em termos neutros. O GMV da plataforma digital também caiu 5%, para 787,4 milhões, mas subiu novamente 2,6% a taxas de câmbio estáveis.
 
Da mesma forma, o GMV da plataforma de marca também diminuiu 10,4%, para 148,1 milhões de dólares, mas teria sido 4,9% mais elevada a uma taxa de câmbio neutra.

Pelo menos, a empresa viu subir a sua receita global com um ligeiro aumento de 1,9%, chegando a 593,4 milhões de dólares. No entanto, se o câmbio fosse o mesmo do ano passado, a empresa teria registrado um aumento de 14,1%.
 
O GMV da plataforma digital reflete "os ventos contrários derivados da suspensão do comércio na Rússia e na China continental, onde as restrições regionais devido ao coronavírus continuam a afetar o comércio".
 
A empresa observou também uma queda no valor médio dos pedidos (AOV) do Farfetch Marketplace, de 593 para 530 dólares, "devido ao impacto do fortalecimento do dólar americano, bem como uma queda no preço médio de venda, que foi parcialmente compensado por um aumento no número de artigos por pedido."

Mas, a margem de lucro bruto foi de 44,9%, o que representa um aumento de 160 pontos base, e a margem de contribuição dos pedidos da plataforma digital aumentou 580 pontos base, chegando a 32,4%.
 
Tudo isto implica uma perda no Ebitda ajustado de 4,1 milhões de dólares após um lucro de 5,3 milhões de dólares no ano passado, principalmente devido a um aumento nas despesas gerais e administrativas em comparação com o crescimento da receita ajustada.
 
O prejuízo líquido foi de 274,9 milhões de dólares, após um lucro de 769,1 milhões de dólares 12 meses antes.
 
A empresa não se mostrou muito preocupada com as perdas nem as quedas do GMV. O diretor financeiro, Elliot Jordan, disse: "[A Farfetch está] navegando com sucesso num ambiente macro sem precedentes, com um crescimento constante do GMV e das receitas em moeda, melhorias significativas na margem bruta e na margem de contribuição dos pedidos de um ano para o outro e os benefícios financeiros das nossas últimos iniciativas para racionalizar a nossa base de custos, que ainda estão sendo implementadas. Continuamos a gerir o contexto atual, contamos com uma boa capitalização para executar a nossa visão a longo prazo e estou confiante de que voltaremos a conseguir um crescimento rentável em 2023."
 
É inegável que a empresa está a progredir em várias frentes, sendo as perdas uma característica frequente de um negócio gigante em fase de desenvolvimento.

Durante o trimestre, a empresa manteve as suas parcerias com marcas nas campanhas do Farfetch Marketplace. Entre estas, o destaque da coleção outono-inverno 2022 de prêt-à-porter e bolsas da Acne Studios, o lançamento do monograma em denim da Marc Jacobs, e a Stolen Girlfriends Club, que se concentrou em malhas masculinas e joias femininas naquela que foi a primeira colaboração de soluções de meios da marca na Farfetch.
 
Também expandiu os seus serviços de Fashion Concierge para ajudar clientes privados a encontrarem artigos de luxo exclusivos com o lançamento do Fashion Concierge On Demand.
 
Por sua vez, o grupo New Guards manteve-se focado nos canais de venda direta ao consumidor "ao mesmo tempo que criou coleções culturalmente relevantes".

Ibrahim Kamara celebrou o seu primeiro desfile como diretor de arte e imagem da Off-White na Paris Fashion Week. A Off-White também fechou uma colaboração de três anos com o clube de futebol italiano AC Milan para se tornar designer oficial de estilo e cultura. A Palm Angels foi convidada a reinterpretar o casaco Maya da Moncler, criando uma edição limitada coberta de fibra ótica para o 70.º aniversário da marca outdoor. Além disso, There Was One, a primeira marca criada em conjunto pela New Guards e pela Farfetch, lançou a sua primeira coleção unissex.

A Farfetch conta com várias lojas físicas (incluindo a Browns) e o GMV em loja aumentou 35,3% para 31,9 milhões de dólares durante o trimestre. Desconsiderando a moeda, o crescimento teria sido de 54,1%, impulsionado pela abertura de novas lojas da marca New Guards nos últimos 12 meses, além do forte crescimento em termos comparáveis da tendas chave existentes.
 
Para o ano todo, a empresa prevê que o GMV da plataforma digital caia entre 5 e 7%, e que o GMV da plataforma de marcas se mantenha praticamente estável.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.