×
Publicado em
8 de mar. de 2012
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Exposição homenageia a musa do cinema

Publicado em
8 de mar. de 2012

Prestes a completar 50 anos de sua morte, Marilyn Monroe ganha uma exposição. "Quero Ser Marilyn Monroe!" reúne 125 obras de 50 artistas, entre fotografias e pinturas. O produtor Ricardo Comissoli, responsável pela vinda da exposição, demorou quatro anos para conseguir viabilizar o evento, ao custo de R$ 450 mil, patrocinado em parte por leis de incentivo.


Depois de passar por São Paulo, a memorabilia segue para o Japão - Foto: Reprodução

Para relembrar sua vida e carreira, chegou à Cinemateca Brasileira em São Paulo, a exposição gratuita Eu quero ser Marilyn!, que estreou em 2003 na County Hall Gallery, de Londres, e já percorreu diversos países da Europa, Estados Unidos e Canadá, com um público de dois milhões de pessoas.

Entre os trabalhos expostos estão fotos de Henri Cartier-Bresson, Cecil Beaton e Frank Powolny e obras como a tela de Heidi Popovic (pseudônimo do artista Christian Polzer), que faz um remix da célebre série de Marilyn feita por Andy Warhol com a imagem de uma caveira. Há ainda fotos clássicas como o ensaio de Douglas Kirkland, da revista "Look", com Marilyn deitada sob os lençóis brancos esbanjando sensualidade na cama.


Marilyn foi encontrada morta aos 36 anos por overdose de tranquilizantes - Foto: Reprodução

Lawrence Schiller registrou os bastidores do filme "Something's Got to Give", em 1962, dirigido por George Cukor e que Marilyn não chegou a finalizar por ter sido despedida devido a seus recorrentes atrasos e faltas durante a produção. Esses problemas também estão retratados no documentário "O Fim dos Dias", que faz parte do ciclo em cartaz na Sala Cinemateca. Ainda na programação, uma seleção de 15 filmes como Os Homens Preferem as Loiras e Quanto Mais Quente Melhor.

A carreira de Marilyn Monroe pode ter sido breve, mas sua figura continua extremamente presente na cultura popular — prova disto são os editoriais e as campanhas com alusão ao estilo da atriz, sem contar o filme “Sete Dias com Marilyn”, lançado em 2012 e protagonizado por Michelle Williams.

Quero ser Marilyn Monroe! - Cinemateca Brasileira.
Largo Senador Raul Cardoso, 207, Vila Clementino, telefone 3512-6111.
Horário de funcionamento: todos os dias, das 10 h às 22 h, até o dia 1º de abril.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.