×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
18 de out. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Ex-CEO da Gucci faz parceria com Carlyle para se tornar presidente da varejista End

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
18 de out. de 2021

Acredita-se que Patrizio di Marco esteja de regresso à parceria com o gigante do capital privado Carlyle, uma vez que (segundo consta) está prestes a assumir a presidência da varejista de luxo britânico, End.


Carlyle adquiriu a End por quase 900 milhões de euros - Foto: End


Di Marco foi anteriormente CEO da Gucci quando Frida Giannini exerceu funções de diretora criativa e a Sky News noticiou que assumirá na End o mesmo papel que tinha em outra marca propriedade da Carlyle, na Golden Goose, antes da sua venda. No entanto, Carlyle não quis fazer comentários, uma vez que a nomeação ainda não está confirmada. 
 
A Carlyle adquiriu a End por 750 milhões de libras (887,85 milhões de euros) em março, e os seus fundadores, Christian Ashworth e John Parker, venderam uma participação de controle na empresa com 16 anos, embora tenham permanecido como co-diretores executivos.

A empresa começou com uma loja de roupa masculina em Newcastle, mas depois mudou-se para o comércio eletrônico, um movimento que alimentou um forte crescimento. Ela tem também uma loja no Soho de Londres, mas vende principalmente as mais de 500 marcas de luxo e esportivas que tem na sua loja online em mais de 100 países.
 
Conforme mencionado, Di Marco trabalhou anteriormente com a Carlyle quando era presidente de sua marca de luxo Golden Goose. Isso foi antes desta ser vendida à Permira por mais de quase quatro vezes o que a Carlyle pagou por ela.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.