×
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
2 de set. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Emilio Pucci: confirmada a nomeação de Camille Miceli como diretora artística

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
2 de set. de 2021

Camille Miceli fez a sua entrada oficial na  Emlio Pucci no dia 1º de setembro. A sua nomeação como diretora artística, antecipada pela FashionNetwork.com no mês passado, acaba de ser confirmada pela LVMH. Anteriormente, Miceli ocupou o cargo de diretora de criação de acessórios na Louis Vuitton. A sua chegada à Pucci ocorre após o grupo de luxo ter adquirido, em junho, a totalidade da marca florentina, da qual detinha 67% desde 2000.


Camille Miceli - © Jean-Baptiste Mondino


Sidney Toledano, CEO do LVMH Fashion Group, que se deslocou especialmente a Milão, à sede da marca, para fazer as apresentações, comentou através de um breve comunicado que Camila Miceli "saberá escrever uma nova página na história desta marca, que tem um legado rico e único”. “Estou convicto de que a sua energia e o seu talento, bem como a sua vasta experiência nas mais belas marcas do grupo, serão ativos determinantes para o sucesso do novo projeto global da marca.”
 
A designer trabalhou também para a Christian Dior Couture, entre 2009 e 2014, como diretora de criação de joias e consultora criativa para os artigos de couro, tendo anteriormente participado no lançamento da linha de vestuário da Louis Vuitton sob a égide de Marc Jacobs. Fora do grupo LVMH, trabalhou igualmente na Azzedine Alaïa e na Chanel em relações públicas.

De origem francesa por parte de mãe e italiana por parte de pai, com trinta anos de experiência no luxo e na moda, Camille Miceli parece ter todos os recursos para dar um novo fôlego à Emilio Pucci, que está sem diretor artístico desde 2017.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.