×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
14 de fev. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Divisão de luxo da L’Oréal se torna a maior do grupo em receita

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
14 de fev. de 2022

Em 2021, a divisão de luxo do grupo L’Oréal registrou crescimento de 20,9% em termos comparáveis, gerando uma receita de 12,34 bilhões de euros.

A divisão Luxe, que inclui marcas como Lancôme, Armani e Yves Saint Laurent, foi a que gerou maior receita da empresa francesa de beleza, superando a divisão de bens de consumo, que gerou receita de 12,23 bilhões de euros, um crescimento de 5,6%. Esta última, que inclui marcas como Garnier e Maybelline, ainda não voltou aos níveis de receita pré-pandemia. Notavelmente, sua marca líder, L'Oréal Paris, gerou sozinha uma receita de 6 bilhões de euros.


Parfum Libre by Yves Saint Laurent - DR


“L’Oréal Luxe aproveitou ao máximo a complementaridade de seus canais de distribuição e acelerou seu crescimento de vendas de forma equilibrada, tanto online quanto em lojas físicas”, afirmou o grupo em comunicado à imprensa.

Em 2021, o desempenho da divisão foi notadamente impulsionado pela recuperação do mercado de fragrâncias e pelos resultados robustos de seus principais perfumes, como 'Libre' de Yves Saint Laurent, bem como pelo lançamento de novas fragrâncias como 'Alien Goddess' de Mugler.

A L'Oréal Luxe também se beneficiou dos resultados dinâmicos do setor premium de cuidados com a pele, liderados por Lancôme e Helena Rubinstein, que foi discretamente relançado na França.

Os produtos de maquiagem tiveram menos sucesso, ainda impactados pela pandemia, pelo aumento generalizado do trabalho remoto e o uso obrigatório de máscaras, embora a L'Oréal tenha notado o sólido desempenho de Lancôme e Shu Uemura neste segmento. A divisão, que recentemente adquiriu a marca americana de cuidados com a pele Youth to the People, registrou ganhos significativos de participação de mercado no norte da Ásia e resultados altamente satisfatórios na Europa. Também se fortaleceu na América do Norte, após a reestruturar a sua distribuição.

Apesar do impacto contínuo da pandemia de Covid-19 no varejo, as vendas da gigante global de beleza L'Oréal atingiram 32,28 bilhões de euros em 2021. Em uma base anual, o grupo francês registrou um crescimento de receita de 8% em relação a 2019 e de 15,3 % sobre 2020.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.