×
1 081
Fashion Jobs
GRUPO BOTICARIO
Analista fp&a i - Gestão de Verbas Comerciais
Efetivo · São José dos Pinhais
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Coordenador(a) de Compras de Eventos
Efetivo · São José dos Pinhais
RENNER
Product Owner (po) - Omnichannel
Efetivo · São Paulo
FARFETCH
Product Manager (Ecommerce Experience) - Farfetch Platform Solutions
Efetivo · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Especialista ii Treinamento Comercial Venda Direta - Franschising
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Compradora de Projetos Júnior - Híbrida - PR
Efetivo · São José dos Pinhais
MARISOL
Analista de CRM - São Paulo
Efetivo · São Paulo
GRUPO BOTICARIO
Gerente sr Comercial Lojas Boti (Nordeste)
Efetivo · Brasília
RENNER
Content & Performance Manager
Efetivo · São Paulo
VIVARA
Analista de Compliance Senior
Efetivo · São Paulo
MARISOL
Analista de CRM
Efetivo · Jaraguá do Sul
VIVARA
Analista de CRM sr
Efetivo · São Paulo
RENNER
Product Owner (po) | Marketplace – Onboarding de Sellers
Efetivo · São Paulo
RENNER
Product Owner (po) | Marketplace - Atendimento e Pós-Vendas
Efetivo · São Paulo
PUMA
Retail District Manager
Efetivo · São Paulo
RENNER
Coordenador de CRM
Efetivo · São Paulo
CALZEDONIA GROUP
Vendedora - Calzedonia
Efetivo · SÃO PAULO
GRUPO BOTICARIO
Tecnico de Qualidade
Efetivo · São José dos Pinhais
GRUPO BOTICARIO
Pessoa Consultora de Vendas o Boticario - Nova Iguaçu - rj
Efetivo · Nova Iguaçu
GRUPO BOTICARIO
Especialista l - Analytics e bi (Afirmativa Para Talentos Diversos)
Efetivo · Curitiba
AVON
Gerente de Desenvolvimento da Rede Itinerante
Efetivo · SÃO PAULO
VIVARA
Vendedora - Shopping São Bernardo Plaza - São Bernardo do Campo /sp
Efetivo · São Bernardo do Campo
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
26 de ago. de 2018
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Diane von Furstenberg: tecnologia de personalização britânica impulsiona vendas

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
26 de ago. de 2018

Com cada vez mais varejistas a implementarem novas tecnologias e a conseguirem, como resultado, um aumento de vendas, foi divulgado na quinta-feira que este ano a marca Diane von Furstenberg tem vindo a aplicar a tecnologia de personalização com tecnologia IA (inteligência artificial) da Qubit, com sede no Reino Unido, no seu negócio de varejo online. A empresa revelou que agora 11% da sua receita se deve à oferta mais personalizada que consegue oferecer aos clientes.


Diane Von Furstenberg - primavera-verão 2018 - Moda feminina - Nova Iorque - © PixelFormula


Outras empresas que se renderam à tecnologia avançada incluem a Forever 21 e a H&M nos Estados Unidos, tendo ambas implementado sofisticadas soluções de pesquisa visual nas últimas semanas.
 
Na DVF, no âmbito de uma grande repaginação do site, a marca usou as soluções Pro e Aura (para dispositivos móveis) da Qubit para introduzir experiências de e-commerce personalizadas para cada visitante em toda a web e dispositivos móveis, proporcionando aquilo que descreve como “uma experiência semelhante às redes sociais, com produtos tendência, lembretes de cesto de compras e ofertas específicas para o utilizador, definidos pelo comportamento e intenção de compra online de cada indivíduo”.

E, além desse valor de 11% da receita, a empresa também revelou que as ofertas específicas para o utilizador geraram uma taxa de conversão de 20%, enquanto a conversão em dispositivos móveis foi quatro vezes maior.

A Qubit revelou que a DVF alavancou a sua tecnologia registrada de aprendizagem de máquina "para criar experiências imediatas, apresentando a mensagem, oferta ou produto certos no lugar certo e na hora certa, aumentando o envolvimento da marca e a fidelidade do cliente".
 
Além de todos os lembretes de cesto de compra, ofertas específicas para o utilizador e muito mais na sua principal loja online, nos dispositivos móveis a empresa também implementou uma versão da tecnologia que permitia aos utilizadores ver “mais do catálogo de produtos e mais do que é relevante para eles com apenas alguns toques e interações”.
 
A Qubit informou que “com centenas de produtos disponíveis a qualquer momento, a inteligência artificial é a única maneira através da qual a DVF pode garantir relevância nos telemóveis, especialmente considerando os limites do pequeno ecrã e os períodos de atenção”.

Algo que é particularmente importante uma vez que o telemóvel agora é responsável por mais de 50% do tráfego e continua a crescer. O desafio é que a receita móvel é significativamente inferior a 50% da receita da web e usar a tecnologia para aumentar o valor faz sentido em termos comerciais.

"Como marca, estamos sob pressão para manter o crescimento e a receita num cenário altamente competitivo, especialmente de retalhistas que operam exclusivamente online", disse Felipe Araujo, diretor sênior de comércio eletrônico da DVF.

“A própria indústria do luxo passou por uma grande mudança em direção ao e-commerce, com 40% das compras a serem agora influenciadas pelo conteúdo online. Anteriormente, as marcas de luxo definiam-se por uma experiência exclusiva em loja; essa mudança de foco, combinada com uma presença online que exigia atualização, foi o catalisador por trás da nossa decisão de implementar [a nova tecnologia].”

Copyright © 2023 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.