×
887
Fashion Jobs
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Desfiles: Londres no ponto de partida

Publicado em
today 15 de set de 2013
Tempo de leitura
access_time 3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Desde a sexta-feira 13 Londres tomou o bastão de revezamento de Nova York para apresentar suas coleções femininas primavera-verão 2014. Precedido de um burburinho estrategicamente concebido pelas instituições locais e, em particular, pelo British Fashion Council e sua chairman Natalie Massenet, o evento trará várias novidades e deve fazer um grande barulho, especialmente nos blogs e nas redes sociais.

Christopher Kane outono-inverno 2013 (Foto PixelFormula)


Pela primeira vez nesta estação, o British Fashion Council abre todas as suas portas aos blogueiros(as) internacionais, com uma nova estratégia de recepção. Os pedidos de credenciamento dos blogueiros (apresentando uma alta de 25% a cada edição, informe do BFC!) foram estudados com o objetivo de montar uma lista reduzida com os blogs que podem ecoar no mundo digital o melhor da fashion week de Londres. Apesar desta seletividade, cada blogueiro(a) não selecionado(a) pelo BFC recebeu um press kit com o qual pode retransmitir imagens, vídeos e entrevistas que o Council vai fornecer em tempo real ao longo do evento. O BFC estima que 3000 pedidos de credenciamento foram realizados para o evento.

Ainda no universo do marketing, o BFC inaugurou há algumas semanas seu novo look da Oxford street com as cores da London Fashion Week, cujo visual oficial deste ano foi assinado por Nicholas Kirkwood. Nada menos que 15 bandeiras gigantes (com cerca de 3,5 metros de altura cada uma) estão espalhadas com as marcas pela artéria comercial mais popular de Londres. Mas as compras inglesas vão se voltar, principalmente e pela primeira vez, para o interior do centro nevrálgico da fashion week, na primeira pop-up shop patrocinada pelo BFC, onde serão divulgados modelos outono-inverno 2013 de Markus Lupfer, Bella Freud, Sophia Webster, Prism, DJ by Dominic Jones, Zoe Jordan, Lulu & Co. e House of Holland.

Caroline Rush, CEO do BFC, na Oxford Street com Matthew Williamson e Henry Holland (Foto: BFC)


"Quando se chega a Nova York durante a Fashion week, fica-se sabendo imediatamente que a Fashion Week está ocorrendo, e daqui em diante também se saberá em Londres", declarou Natalie Massenet à Vogue inglesa. Assim, as butiques vão multiplicar as operações B2C, convocando as pessoas para diferentes lançamentos, como a parceria entre a River Island e o jovem designer em ascensão Eudon Choi dia 17, ou as seções de coaching gratuitas de Lulu Kennedy (fundadora da cooperativa Fashion East) na Topshop.

Alguns novos nomes também se encontram no programa oficial, como o lendário designer de calçados Manolo Blahnik, ou ainda a venerável maison Smythson, especializada em artigos de couro. Eles fazem parte de um rico programa com 73 apresentações e desfiles, sendo que 70% deles serão transmitidos ao vivo pela web, ou seja, nada menos que 29 shows. O local dos desfiles da Topshop e dos criativos que a marca patrocina, nesta estação, mudará para receber mais convidados. Antes no sub-solo da Tate Modern, o espaço Topshop muda nesta estação para um local perto do Regent Park.

Agora a Somerset House transmite desfiles que ela abriga em livestreaming.


Vário eventos vão marcar esses cinco dias de desfiles pontuados, com certeza, não só por showrooms de talentos britânicos, mas também com os dos chineses ("Shanghai Design" a partir de 13 de setembro), dos coreanos ("Fashion Korea" dia 14), dos suecos ("Re Present" dia 16) e até mesmo dos franceses (a agência M&K vai apresentar na Somerset House seus pupilos Amélie Pichard, Pallas Paris e Raphaella Riboud).

Quanto ao varejo, a reabertura da boutique multimarca Browns Focus vai ser celebrada, assim como a inauguração de uma flagship Pringle of Scotland na Mount Street (dia 16), e a chegada, em uma galeria de arte, da nova era Diesel período Nicola Formichetti (DieselReboot, dia 16). Enfim, a maison francesa Longchamp prepara a abertura de sua maior flagship europeia para a segunda-feira, dia 16, com uma festa VIP com a presença do diretor-executivo Jean Cassegrain. Um evento ao qual a FashionMag retornará naturalmente dentro de pouquíssimo tempo.

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.