×
Por
Reuters
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
25 de out. de 2019
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Demanda pelos tênis Vans diminui e VF Corp. não atinge estimativas de lucro

Por
Reuters
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
25 de out. de 2019

O grupo de moda VF Corp. anunciou na sexta-feira (25) que registrou lucro abaixo das expectativas no segundo trimestre, devido à fraca demanda pelos tênis da marca californiana Vans. As ações da empresa caíram 10% após o anúncio.


Photo: Vans - Vans


Apesar disso, a empresa americana de vestuário e calçado, que tem 120 anos de história, manteve sua previsão para o ano inteiro, que novamente ficou aquém das estimativas.

Apesar dos esforços da VF para vender diretamente aos clientes e impulsionar seus negócios online, seus maiores rivais, Nike e Under Armour atraíram mais clientes com seus novos lançamentos e tiveram uma presença digital mais forte.

A receita dos calçados Vans cresceu 14% no trimestre, ante 26% no ano anterior. O lucro líquido da VF Corp. aumentou para 649 milhões de dólar, ou 1,61 dólar por ação, no trimestre encerrado em 28 de setembro, ante 507,1 milhões de dólares, ou 1,26 dólar por ação, um ano antes. 

Excluindo itens, a empresa ganhou 1,26 dólar, abaixo da estimativa média dos analistas de 1,31 dólar. A receita líquida da VF Corp. subiu 5,4%, para 3,39 bilhões de dólares, mas ficou aquém da estimativa média dos analistas de 3,42 bilhões de dólares, segundo dados IBES da Refinitiv.

No início do mês, a empresa brasileira de calçados Arezzo & Co anunciou a assinatura de um contrato a VF Corp. para o licenciamento e distribuição da marca Vans no Brasil. 
 

© Thomson Reuters 2022 Todos os direitos reservados.