×
Por
Reuters
Publicado em
29 de jun. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Credores do grupo de moda Shandong Ruyi assumem o controle total da Lycra

Por
Reuters
Publicado em
29 de jun. de 2022

A fabricante de fibras norte-americana Lycra ganhou um novo proprietário. Os credores de sua antiga controladora Shandong Ruyi Technology Group adquiriram o controle total do capital após o conglomerado de moda chinês ter deixado de pagar um empréstimo de US$ 400 milhões.


Lycra


Os novos proprietários são: China Everbright Ltd, com sede em Hong Kong, Tor Investment Management, a empresa de private equity Lindeman Partners, com sede em Seul, e sua afiliada Lindeman Asia.

"Implementamos rapidamente as medidas proativas necessárias para proteger e fortalecer o futuro da The LYCRA Company e isolar totalmente a empresa das dificuldades financeiras de seu ex-acionista", disseram os novos proprietários em comunicado.

O CEO da Lycra, Julien Born, disse em um comunicado separado: "a nova estrutura de propriedade fornece o apoio necessário de profissionais experientes que compartilham nossa visão de longo prazo".

Representantes de Ruyi não responderam imediatamente aos pedidos de comentário.

Ruyi assumiu o controle da Lycra do conglomerado norte-americano Koch Industries por US$ 2,6 bilhões em 2019, após fazer um empréstimo de cerca de US$ 1 bilhão pelo negócio.

A empresa de moda chinesa decidiu criar um império global de roupas de luxo, embarcando em uma onda de aquisições incluindo a fabricante de ternos Aquascutum, com sede em Londres, a marca de moda Cerruti 1881, com sede em Paris, e o grupo de moda SMCP.

​Mas o conglomerado tem lutado com sua dívida e suas dificuldades financeiras se agravaram com a pandemia de COVID-19. 

© Thomson Reuters 2022 Todos os direitos reservados.