×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
19 de jan de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Colombiatex de las Américas inicia sua primeira edição digital

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
19 de jan de 2021

Colombiatex de las Américas inicia oficialmente sua primeira edição digital. A feira, que começou na segunda-feira (18) e vai até o dia 5 de fevereiro, mudou dos tradicionais 3 dias da versão física, para três semanas na versão online.


Começa a Colombiatex de las Américas em formato digital. - Inexmoda


Nesta edição, a plataforma de negócios recebe mais de 190 compradores internacionais e cerca de 2.000 visitantes que terão encontro com 240 expositores participantes de países como Colômbia, Itália, Índia, Brasil e Espanha.

As categorias têxteis, insumos, fibras e fios, produtos químicos, maquinários e embalagem completa estão incluídas na feira, que conta com uma plataforma digital robusta e o apoio da DHL para o envio de amostras como facilitador de negócios.

“Nosso objetivo para 2021 é muito claro: como instituto temos a responsabilidade de contribuir para a reativação econômica da Colômbia. Faremos isso por meio de um plano estruturado que inclui iniciativas para promover o turismo, acompanhar o empreendedorismo, fortalecer o tecido empresarial e, claro, gerar eventos e plataformas de negócios que dinamizem a economia, como o Colombiatex Digital 2021, onde pretendemos gerar negócios, mas também fortalecer o conhecimento dos empresários sobre o mundo digital”, informou Carlos Eduardo Botero Hoyos, presidente executivo da organizadora do evento, Inexmoda.

Este ano, além dos pavilhões têxteis, confecções e maquinários e reuniões de negócios, a Colombiatex evolui sua Rota da Sustentabilidade e agrega a Biossegurança, categoria que cresceu mais de 100% em 2020 e espera seguir impulsionando a reativação da indústria no país.

“Esta é uma edição muito especial, pois será a primeira totalmente digital. A dinâmica de uma feira neste formato é completamente diferente da de um evento físico: expositores e compradores exigem acompanhamento aprofundado e a análise dos dados torna-se essencial. Queremos que sejam gerados encontros e interações através da plataforma virtual para que inicie o processo de negociação, que inclui a troca de amostras e condições comerciais”, declarou Leonor Hoyos, diretora de feiras da Inexmoda.

A partir de segunda-feira, 25 de janeiro, o pavilhão educativo começa com mais de 30 conferências, masterclasses especializadas e a possibilidade de organizar consultorias personalizadas com especialistas em moda, negócios e tendências.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.