×
167
Fashion Jobs
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
21 de jan de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Coleção Moncler Pierpaolo Piccicoli lançada em versão prêt-à-porter no Museu Picasso

Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
21 de jan de 2020

A Moncler lançou a sua versão prêt-à-porter da coleção de alta costura Moncler Pierpaolo Piccicoli num café da manhã de segunda-feira durante um evento de abertura tranquilo para a temporada de alta costura em Paris.


Photo: @liyakebede


A apresentação aconteceu no Museu Picasso, decorado com meia dúzia de looks Moncler Pierpaolo Piccicoli, orgulhosamente expostos no pátio ou colocados estrategicamente em vários locais no interior do museu de Picasso em Paris, onde viveu grande parte da sua carreira artística.
 
Ninguém estava mais bonito do que a modelo veterana Liya Kebede, vestida com um casaco azul pó, cortado como um casaco de esqui, a primeira declinação prêt-à-porter da visão alta costura de Piccicoli da Moncler.

“A ideia original era um encontro da alta costura com diferentes culturas africanas, tudo para ajudar a Liya Kebede Foundation”, explicou Piccicoli, ou, como muitos o conhecem, PPP.
 
O designer refere-se à fundação de Kebede que apoia organizações líderes que trabalham para reduzir as mortes maternas e de recém-nascidos na África.

A Moncler revelou estas ideias em Milão há quase um ano. O café da manhã de hoje foi organizado para anunciar o lançamento da coleção nas lojas Moncler. O prêt-à-porter incorpora habilmente as cores arrojadas e os acabamentos com várias riscas dos 10 looks originais, embora reduzindo radicalmente as formas maciças de crinolina da alta costura a blusões urbanos desportivos. A venda a retalho começa hoje nas principais lojas Moncler, House of Genius, nas Galeries Lafayette, nos Champs-Élysées e em moncler.com.
 
Piccioli, couturier da Valentino, apresentará a sua próxima coleção de alta costura para a casa na quarta-feira à noite em Paris.
 
Com a sua habitual juventude sobrenatural, Kebede, de 41 anos, posou na escadaria principal com Piccioli e o CEO e principal acionista da Moncler, Remo Ruffini.
 
“É realmente ótimo que a Moncler apoie o nosso projeto, por isso estou muito feliz por ver as belas ideias de Pierpaolo finalmente serão adaptadas ao prêt-à-porter. E acho que vou usar muito este blusão, especialmente hoje”, disse Kebede, enquanto lá fora o termômetro marca os cinco graus Celsius. 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.