×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
25 de fev. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

China deve se tornar o segundo maior mercado de perfumaria de prestígio do mundo até 2025

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
25 de fev. de 2022

Nos próximos três anos, espera-se que a China se torne o segundo maior mercado de perfumaria de prestígio do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. É o que indica o estudo “China: the future eldorado for fragrance" (China: o futuro eldorado para fragrâncias), elaborado pela Takasago, empresa japonesa especializada na produção de aromas e fragrâncias.


China deve se tornar o segundo maior mercado de perfumaria de prestígio do mundo até 2025 - Shutterstock


Em 2020 e 2021, anos muito afetados pela pandemia de Covid-19, a China, que celebra atualmente, assim como grande parte da Ásia, o ano novo lunar e o ano do tigre d'água, estabeleceu-se como o verdadeiro motor de crescimento do mercado global de perfumaria de prestígio. Em 2020, as vendas no mercado chinês cresceram 15%, e em 2021 cresceram 30%, enquanto apenas 5% da população usa perfumes.

Este aumento de consumo foi em grande parte liderado por pessoas com menos de 40 anos, que representam 80% das despesas de bens de luxo do país. Mais especificamente, pelos consumidores Millennials, 150 milhões de nativos digitais nascidos entre 1995 e 2010. Segundo Takasago, esses consumidores são caracterizados como "crianças únicas com alto poder aquisitivo", que são fortemente influenciados por formadores de opinião, especialmente influenciadores.

Dior e Chanel estão entre as marcas mais populares, com 10% do mercado, embora os consumidores chineses sejam cada vez mais atraídos por marcas de nicho, como Jo Malone London, que segundo Takasago tem três fragrâncias no top 20 de perfumes femininos.
 
Mas as marcas locais também são cada vez mais populares e atualmente representam 56% do mercado. "[Eles] são mais reativos e experientes em digital, e também aproveitam seu conhecimento da cultura local", diz o estudo.

Em 2017, a Scent Library, marca chinesa de perfumes na qual a Puig adquiriu uma participação em setembro de 2021, lançou a fragrância 'LBK Water'. O perfume, cujo aroma é uma réplica do cheiro do arroz sendo cozido, vendeu um milhão de frascos em um ano. Em 2019, o perfume 'White Rabbit', batizado em homenagem a um tipo de doce da era Mao, teve o mesmo sucesso.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.