Chanel compra marca britânica de swimwear masculino Orlebar Brown

Poucos dias depois de adquirir uma participação de 20% na marca de relógios F.P. Journe, a Chanel direcionou a sua atenção para uma indústria diferente e comprou a marca britânica especializada em roupa de banho masculina de alta gama Orlebar Brown. Esta aquisição, cujo valor não foi divulgado, foi efetuada pelo fundador da marca, Adam Brown, o fundo de investimentos Piper e alguns acionistas minoritários.


Imagem da loja online da Orlebar Brown - DR

"Além do fato de partilharmos os mesmos valores e a mesma abordagem em matéria de qualidade e savoir-faire, esta aquisição representa uma oportunidade ideal para sinergias entre a Orlebar Brown e a Eres", sublinhou Philippe Blondiaux, diretor financeiro global da Chanel. A aquisição da Orlebar Brown proporciona, de fato, uma contrapartida masculina para a Eres, a marca de lingerie e roupa de banho feminina comprada pelo grupo Chanel em 1996.
 
Sendo uma empresa "digital native", a Orlebar Brown poderá permitir à Eres aumentar a sua expertise digital e otimizar a sua estratégia de distribuição omnicanal. A Orlebar Brown poderá, por seu lado, "beneficiar da experiência e know-how de retalho de um ator histórico no segmento do beachwear de alta gama", disse Blondiaux.

Adam Brown, que fundou a Orlebar Brown em Londres, em 2007, continuará a atuar como diretor criativo da marca, ao lado do CEO Paul Donoghue. A Orlebar Brown foi lançada há onze anos como uma marca online e, atualmente, 40% das suas vendas ainda são geradas através da sua e-shop. Posteriormente, a marca criou uma rede física de 24 lojas próprias em 11 países, estando também disponível em mais de 250 varejistas especializados.

Sob a égide da Chanel, a marca, que tem sede em Londres e emprega neste momento 129 funcionários, continuará a seguir a sua estratégia digital e a sua expansão internacional, abrindo novas lojas nos Estados Unidos, Europa e Ásia.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Luxo - DiversosNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER