×
140
Fashion Jobs
Por
Agência LUSA
Publicado em
4 de mar de 2014
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Cenografia da ModaLisboa vai usar cortiça em diferentes espaços do evento

Por
Agência LUSA
Publicado em
4 de mar de 2014

Santa Maria da Feira – As próximas coleções da ModaLisboa irão desfilar sobre um piso de cortiça, que será o material cenográfico em destaque na 42.ª edição do evento, que vai ocorrer de 07 a 09 de março no Pátio da Galé, em Lisboa.

As propostas para o outono-inverno 2014/2015 serão subordinadas ao lema "Vision" e a cortiça foi a escolhida para decorar não apenas a passarela, mas também para revestir diferentes áreas sociais do evento, como a Sala de Desfiles, o "Club", o "Wonderoom" e os bastidores.


Eduarda Abbondanza, presidente da Associação ModaLisboa, defende que "a cortiça é um patrimônio nacional, uma indústria muito importante na economia nacional e uma excelente matéria-prima ecológica". Defendendo também que o evento que dirige constitui "uma plataforma de comunicação que desde sempre teve como missão a divulgação da produção e design nacionais", Eduarda Abbondanza ressalta: "pretende-se nesta edição associar a cortiça à Moda, conferindo-lhe uma multiplicidade de utilizações".

De acordo com o projeto dos arquitetos Rita Muralha e Raul Santos, toda a cortiça utilizada na cenografia e no design dos interiores da ModaLisboa foi disponibilizada para o efeito pela Corticeira Amorim, num leque de opções que, integrando diferentes texturas e expressões cromáticas, revelam também as capacidades acústicas e térmicas desse material.

O aglomerado de cortiça expandido que a dupla de arquitetos Herzog e de Meuron utilizou em 2012 no Serpentine Gallery Pavilion, por exemplo, volta agora a ser utilizado no revestimento de paredes interiores do Pátio da Galé e em mobiliário especificamente composto para o evento.

Para Carlos de Jesus, diretor de Comunicação e Marketing da Corticeira Amorim, há "uma clara sintonia" entre o posicionamento da empresa ao nível da inovação e o perfil da ModaLisboa. "Depois de vermos a cortiça ser utilizada em eventos semelhantes em grandes capitais da moda, era importante esta associação a um palco nacional", explica esse responsável, considerando que “esta é uma forma privilegiada” de colocar “um público tão vasto em contacto com as soluções de cortiça e as suas mais-valias estéticas, de conforto e de sustentabilidade".

A 42.ª edição da ModaLisboa propõe-se, segundo a organização, a "antecipar e criar o futuro da indústria da moda" em Portugal. Nesse sentido, apresentará em primeira mão "a excelência e a ousadia" das coleções concebidas pelos designers Valentim Quaresma, Alexandra Moura, Nuno Baltazar, Lidija Kolovrat, Saymyname, Luís Carvalho, Ricardo Preto, Luís Buchinho, Nuno Gama, Aleksandar Protic, Ricardo Andrez, Pedro Pedro, Dino Alves, Miguel Vieira e Filipe Faísca.

Já as propostas do chamado "Sangue Novo" serão assinadas por Catarina Oliveira, Sofia Macedo, Ina Koelln, Nair Xavier, Cristina Real, Patrick de Pádua, Olga Noronha e a dupla Sara Seidi e Rúben Damásio. O designer convidado desta edição do evento é, por sua vez, o polaco Lukasz Jemiol.

Foto: Reprodução

Copyright © 2021 Agência LUSA. Todos os direitos reservados.