×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
20 de jul. de 2021
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Cavalli menswear: Mike Tyson e estilo toscano tecno tribal na estreia de Fausto Puglisi

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
20 de jul. de 2021

Impressões de Tribal Techno Mania na coleção de moda masculina de estreia do designer de Fausto Puglisi para a Cavalli, e no vídeo protagonizado pelo antigo pugilista americano Mike Tyson para a maison, que foi revelado online na noite de segunda-feira (19 de julho). O resultado é excelente.

Cavalli SS22 Menswear


Talvez já não seja o Iron Mike dos anos 90, mas um Mike de cabeça raspada e até mesmo com uma auréola de feiticeiro de rosto tatuado, que aparece aos 55 anos pela primeira vez num traje de boxe com estampas de zebra decorado com logotipos Cavalli.

"Eu sou o fogo, eu sou a chama, eu estou a arder", narrou Mike Tyson, seguido de uma série de looks ostentados por bad boys inclusivos com estampados de pele de zebra e tigre, até culminar no modelo com camisa de seda de tigre em chamas e calções combinando. Isto, antes do antigo campeão mundial de pesos-pesados golpear de repente o ar, apresentando-se com uma roupa chique estilo S&M repleta de correntes e tachas.
 
Eles marcham, correm, fazem caretas de maus e zangados, mostram os dentes, estalam os anéis dos dedos e golpeam o ar, como animais selvagens da paisagem urbana cobertos de joias e acessórios. Até acorrentarem o próprio pugilista, que grita e gesticula, tentando libertar-se. E a voz de Mike Tyson continua sendo ouvida no vídeo como influencer da nova geração que viaja no espaço através do fogo, reconstruindo formas de roupa guerreira.

Arquétipos vistos ao longo do vídeo: desde alguns tipos de S&M hardcore muito elegantes até aos notívagos animais de festa urbanos. Como se a pandemia nunca tivesse acontecido. Aliás, esta é não apenas uma referência à luta, como também uma mensagem à liberdade.

As melhores ideias de Puglisi foram as camisas compostas com estampas de animais, tops e casacos de basebol, atualizando o DNA da estampa animal Cavalli com misturas de leopardo, chita, tigre e zebra.
 
Tudo filmado com grande élan, com o elenco rompendo um fundo todo branco, marchando em botas de pele como mercenários, em um vídeo dirigido por Tommaso Ottomano, com um trilha sonora Bloom formidável.

Com um estilo muito mais guerreiro urbano do que playboy roqueiro, o homem da Cavalli veste roupas com inúmeros tecidos estampados expressionistas de efeito manchado.


Look da Roberto Cavalli para a primavera-verão 2022 - Foto: Cortesia da Roberto Cavalli


Há boatos de que a Kenzo demitiu seu último designer, o português Felipe Oliveira Baptista, porque este não produziu estampas de tigre experimentadas e testadas  suficientes, afinal um emblema recorrente da maison. Apesar de, no seu primeiro desfile para a marca francesa, Oliveira Baptista ter reproduzido os fabulosos tigres do artista multifacetado Júlio Pomar, que pertenceu à 3.ª geração de pintores modernistas portugueses.

Pelo visto, os fãs do grande felino só devem olhar na direção da Cavalli, uma marca para a qual Fausto Puglisi criou algumas sensacionais camisas de seda com estampas de tigre e vários casacos de pele de cobra que são igualmente bons.

Puglisi até concebeu a última sacola de Cavalli em pele de tigre vermelha. Tudo acessorizado, com muitas joias de metal funky, como dentes de tubarão, garras de águia e correntes sem fim. Todas as estampas e até mesmo alguns dos dentes foram para uma série de cuecas masculinas mega coloridas.

Por fim, Mike Tyson aparece em uma nota de delicadeza e sensibilidade com uma pomba branca em cada mão, olhando calmamente as chamas nas suas costas, como que as desdenhando. O clímax acontece precisamente quando Tyson liberta meia dúzia de pombas pelas próprias mãos, que saem do seu peito, escondidas no blusão: "Queimo as minhas asas..." (diz).

Tyson fechou o vídeo com uma mensagem forte e simbólica, beijando uma das pombas brancas de paz que não o abandonou, como remetendo ao toque de Deus que dá vida ao homem de barro (interpretado por Michelangelo no teto da capela Sistina em Roma), desta vez invertido. Com o homem dando vida ao pássaro, virando costas ao passado de luta e destruição, na esperança de um mundo melhor e mais dedicado às espécies e à natureza.

Um show e uma coleção ao estilo toscano brilhante, muito bling bling, e também tudo muito fiel ao DNA da marca, muito comercial e muito... Fausto Cavalli.

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.