Burberry reforça seu compromisso com a sustentabilidade

A marca britânica de luxo, Burberry, adicionou mais dois objetivos à sua estratégia de sustentabilidade, que visa a redução de 95% das emissões de gases de efeito estufa de suas operações diretas até 2022.


Burberry

A marca também anunciou na terça-feira (25) que irá reduzir em 30% as emissões de gases do efeito estufa relacionadas à sua extensa cadeia de suprimentos até 2030. Isso inclui o impacto do fornecimento de matérias-primas e a fabricação de produtos completos. Ambas as metas são aprovadas pela iniciativa "Science Based Target" (SBTi) e serão comparadas ao desempenho de 2016 do varejista.

“Pela primeira vez, estamos estabelecendo metas para as emissões de gases de efeito estufa que se aplicam à nossa cadeia de suprimentos, o que é um acréscimo significativo à já ambiciosa meta de tornar a empresa neutra em carbono em nosso uso de energia operacional até 2022”, declarou Pam Batty, vice-presidente de responsabilidade corporativa da Burberry.

"O impacto ambiental da indústria da moda é significativo e crescente", disse Cynthia Cummis, diretora de mitigação climática do setor privado do World Resources Institute (WRI), um dos parceiros da iniciativa Science Based Targets. "Para evitar uma mudança climática catastrófica, é importante que todas as principais marcas de vestuário e calçados definam metas baseadas na ciência e busquem estratégias abrangentes para descarbonizar seus negócios”.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Luxo - DiversosIndústria
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER