×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
18 de nov. de 2019
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Burberry abre em Ginza flagship projetada por Riccardo Tisci

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
18 de nov. de 2019

A marca britânica de luxo, Burberry, abriu as portas de sua nova loja em Ginza, no Japão, a quarta no país nos últimos seis meses. Localizada no exclusivo edifício Ginza Marronnier, em Tóquio, esta é a primeira flagship construída de acordo com o novo conceito de loja do diretor criativo Riccardo Tisci.


Burberry


Além de abrigar itens exclusivos da pré-coleção de Primavera-Verão 2020 da marca britânica e um lenço de seda de edição limitada com o clássico monograma de Thomas Burberry na cor verde pistache, a loja exibe o espírito inovador da Burberry.

Com uma câmera de smartphone, os visitantes da loja podem participar de uma experiência exclusiva de IA que só pode ser ativada através de códigos QR nas bandeiras verde-pistache Thomas Burberry em Ginza Chuo-dori.


Burberry


As vendas da Burberry no Japão aumentaram um percentual de meio dígito médio no primeiro semestre do ano fiscal da empresa, encerrado em 28 de setembro. O grupo de luxo britânico registrou um aumento de 14% no lucro, para 150,3 milhões de libras, graças ao aumento nas vendas e à redução de custos. 

O volume de negócios aumentou 5%, para 1,28 bilhão de libras, em particular graças às coleções do criador Riccardo Tisci, que agora representam 70% dos produtos nas lojas. As coleções desenhadas por Tisci, que ingressou na Burberry em março de 2018, registaram um crescimento de dois dígitos, apesar da queda de dois dígitos nas vendas em Hong Kong, devido aos protestos antigovernamentais e a agitação política.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.