×
162
Fashion Jobs
CAEDU
Analista de Produtos Financeiros pl
Efetivo - CLT · São Paulo
PUMA
Key Account Manager
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Analista de Controladoria pl
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Retail - HR Business Partner
Efetivo - CLT · São Paulo
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Cidade de São Paulo
Efetivo - CLT · São Paulo
VIVARA
Aprendiz Comercial - Center Shopping Uberlândia
Efetivo - CLT · Uberlândia
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Del Rey
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Uberaba
Efetivo - CLT · Uberaba
AMARO
Compliance Analyst
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
MARISOL
Assistente Administrativo i - Jurídico
Efetivo - CLT · Jaraguá do Sul
MARISOL
Analista de RH Pleno - Remuneração e Benefícios
Efetivo - CLT · Jaraguá do Sul
CAEDU
Analista de Processos sr
Efetivo - CLT · São Paulo
CAEDU
Aprendiz
Efetivo - CLT · Pindamonhangaba
MARISOL
Técnico de Suporte i - Infraestrutura
Efetivo - CLT · Jaraguá do Sul
YOUCOM
Assistente de Marketing | Youcom
Efetivo - CLT · Porto Alegre
CAEDU
Operador de Loja
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Assistente de Expansão e Finanças
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
Erp Support Analyst
Efetivo - CLT · São Paulo
L'OREAL GROUP
Executivo de Contas Canal Indireto Curitiba
Efetivo - CLT · San Marcos
YOUCOM
Consultor de Vendas
Efetivo - CLT · Curitiba
AMARO
Assistente de Operações de RH
Efetivo - CLT · São Paulo
MARISOL
Consultor de Expansão - São Paulo pj
Efetivo - CLT · São Paulo
Publicado em
23 de abr de 2020
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

BFC planeja plataforma digital mista e cancela Fashion Week masculina

Publicado em
23 de abr de 2020

Quase um mês depois que Milão e Paris cancelaram suas temporadas de moda masculina e alta-costura marcadas para o verão europeu, o British Fashion Council (BFC) anunciou que sua temporada de junho será realizada em formato digital.


Burberry - outono-inverno 2020 - Moda Feminina - Londres - © PixelFormula

 
O BFC, o órgão de moda do Reino Unido, também revelou que "pelos próximos 12 meses" todas as Semanas de Moda de Londres se transformarão em temporadas mistas apresentadas em uma plataforma de gênero neutro. O que significa que a Semana da Moda Masculina de Londres deixará de existir pelo menos até o próximo ano. O BFC chamou isso de uma medida "para permitir aos designers mais flexibilidade".
 
O efeito imediato é que a próxima temporada masculina, inicialmente prevista para fim de semana de 12 a 14 de junho, será rebatizada como uma "plataforma apenas digital, à luz do ambiente atual", informou a organização em um comunicado divulgado na terça-feira (21).

No dia 28 de março, tanto a Camera della Moda como a Fédération de la Haute Couture et de la Mode, respectivamente os órgãos que regem a moda na Itália e França, anunciaram o adiamento das próximas temporadas de moda masculina e temporada de alta-costura. Por sua vez, o Council of Fashion Designers of America também cancelou sua temporada de verão.

No entanto, o BFC seguiu um caminho diferente ao avançar com a plataforma www.londonfashionweek.co.uk, projetada para o comércio e o público consumidor; com o objetivo de abranger o ambiente cultural, a criatividade e o espírito de Londres.

No entanto, até agora, o BFC não listou quais designers ou marcas participarão da temporada de junho em Londres. Em vez disso, ele limitou-se a enfatizar que o objetivo da temporada seria permitir que as empresas de moda e os criativos britânicos explorassem o espírito cultural de Londres e destacassem sua posição como uma cidade multicultural global.
 
"Ao reunir a comunidade da moda, a plataforma hospedará conteúdo multimídia exclusivo de designers, criativos, artistas e parceiros de marca, permitindo a colaboração e reunindo moda, cultura e tecnologia", acrescentou o BFC.

O objetivo de longo prazo do BFC é manter quatro temporadas de desfiles em Londres: em janeiro, fevereiro, junho e setembro. Mas resta saber se a temporada de setembro terá algum formato de passarela ao vivo com uma platéia presente.


Franco Pellegrino anunciou no Instagram que a Semana da Moda de Londres será totalmente online - Instagram


"É essencial olhar para o futuro e para a oportunidade de mudar, colaborar e inovar". Muitas das nossas empresas sempre abraçaram a Semana da Moda de Londres como uma plataforma não apenas para a moda, mas também pela sua influência na sociedade, identidade e cultura", comentou Caroline Rush, diretora executiva do BFC.

"A pandemia atual está nos levando a refletir mais na sociedade em que vivemos e em como queremos viver e criar empresas quando essa situação passar. Esperamos que o outro lado da crise seja sobre a sustentabilidade, a criatividade e o produto valorizado, respeitado e apreciado. Ao criarmos uma plataforma para a semana da moda, estamos adaptando a inovação digital às nossas necessidades atuais e construindo algo que sirva como vitrine global para o futuro. Os designers poderão compartilhar suas histórias, e para aqueles que as tiverem, as suas coleções, com uma comunidade global mais ampla. Esperamos que, além das perspectivas pessoais sobre este momento difícil, haja muita inspiração. É por isso que a moda britânica é conhecida", acrescentou Rush.

Entre as instalações que serão exibidas estão entrevistas, podcasts, diários de designers, webinars e showrooms digitais, com o objetivo de gerar vendas.
 
O BFC também está se unindo à marcas como Amazon Launchpad, Facebook, Google, Instagram, Joor, Ordre / Orb360 e YouTube para desenvolver conteúdos exclusivos. Enquanto os parceiros de longa data British GQ, Evening Standard, JD.com, Lavazza, LetsBab, Mercedes-Benz, The May Fair Hotel e Toni & Guy reafirmaram seu apoio à temporada de junho.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.