×
Por
EFE
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
29 de set. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Balmain apresenta uma mulher sexy e traz Cher como convidada surpresa

Por
EFE
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
29 de set. de 2022

O estilista Olivier Rousteing, uma das estrelas da moda francesa, encenou o que foi seu terceiro Balmain Festival, substituindo os desfiles mais convencionais restritos a convidados por megaeventos aos quais mais de mil fãs podem participar fazendo fila ou comprando um ingresso online.

O desfile Balmain está disponível no YouTube / Balmain


Desta vez, o festival aconteceu no estádio Jean-Bouin, ao lado do Parc des Princes do Paris Saint-Germain, após um atraso de uma hora. O show em si durou quase trinta minutos.

Foram mostrados mais de cem looks dominados por cores quentes, silhuetas alongadas, cortes drapeados e roupas justas, com malhas, tecidos trançados, couro brocado com estruturas de volume 3D, e plataformas imponentes que a Balmain quer transformar em sua próxima peça-chave da temporada.

O evento abriu com uma projeção de Cher, mas para surpresa dos espectadores não era apenas uma imagem digital: o ícone dos anos 80 subiu à passarela para fechar o show com Olivier Rousteing.

Depois do sucesso do documentário sobre o estilista, "Wonder Boy: Olivier Rousteing, born under X", disponível na Netflix, a marca que contratou o jovem costureiro aos 25 anos mostra mais de dez anos depois que a confiança no seu criador é ainda intacta. Tanto que a personalização da marca, fundada originalmente por Pierre Balmain em 1945, em torno da figura de Olivier Rousteing é reforçada a cada coleção.

"Quero criar algo que dure para sempre", disse o designer na abertura do show. Seu rosto foi exibido em telas gigantes ao redor da passarela.

A verdade é que o "órfão prodígio", que fez da silhueta pontiaguda e triangular de Balmain um ícone dos anos 2010, é capaz de muito, como demonstrou na última coleção de Alta Costura de Jean-Paul Gaultier, que lhe confiou a criação de toda a linha. O evento foi um grande sucesso.

Nesta coleção, ele também experimentou chapéus de abas largas e estampas gráficas em vestidos onde os corpos nus das modelos se tornaram a estampa toda da peça. A coleção terminou com uma dezena de vestidos de noite em silhuetas de sereia com penas e bordados na cauda.

Além disso, a Balmain está expandindo para outros negócios: a marca anunciou esta semana que está se unindo à Estée Lauder para criar sua primeira linha de produtos de beleza de luxo. Um novo universo a ser explorado pelo ambicioso Olivier Rousteing.


(Com EFE)

© EFE 2022. Está expressamente proibida a redistribuição e a retransmissão do todo ou parte dos conteúdos dos serviços Efe, sem prévio e expresso consentimento da Agência EFE S.A.