Asos registra volume de negócios trimestral inferior ao esperado

O grupo britânico de prêt-à-porter online ASOS divulgou esta terça-feira vendas trimestrais abaixo do esperado, em parte devido a dificuldades sentidas no seu novo armazém nos Estados Unidos, que não tem conseguido dar resposta à demanda. O anúncio traduziu-se numa queda de 11% nas ações nas primeiras negociações.


DR

O contra-desempenho americano soma-se a ambientes de mercado que continuam complicados para a Asos em França e na Alemanha.

No trimestre encerrado a 28 de fevereiro, o segundo do exercício 2018-2019, as vendas aumentaram 11% para 641 milhões de libras (750 milhões de euros), contra um consenso fornecido pelo grupo de 653 milhões.

No primeiro trimestre, o total foi de 656 milhões de libras, uma subida de 14%.

A Asos confirmou as suas previsões, reduzidas em dezembro, para a totalidade do exercício, com crescimento de 15% nas vendas e uma margem operacional de 2%.

Traduzido por Estela Ataíde

© Thomson Reuters 2019 All rights reserved.

Moda - Pronto-a-vestirModa - DiversosNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER