×
Publicado em
24 de nov. de 2022
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Asics investe em eventos de corrida com a aquisição da empresa francesa Njuko

Publicado em
24 de nov. de 2022

Asics se estabelece como um dos principais players no campo de equipamentos de corrida. A marca japonesa se beneficiou da crescente popularidade da corrida na década de 2010. Grandes players como Nike e Adidas, mas também Puma, Mizuno, Salomon e New Balance são concorrentes de longa data, mas a Asiscs também deve enfrentar o surgimento de novas marcas ambiciosas como ON, Altra ou Hoka One One.


Asics


O grupo japonês desenvolveu, assim, uma estratégia que vai além da pesquisa e desenvolvimento de produtos, apostando também em se tornar um player intermediário de eventos de corrida.

Mais do que apenas patrocinar determinados eventos, a Asics já oferecia serviços de inscrição para a realização de eventos no Japão, América do Norte e Pacífico. Recentemente, enriqueceu esta oferta com a aquisição da empresa francesa Njuko SAS, sediada em Bidart, liderada por Pierre Duvelleroy e Benoit Rousseau, que desde 2012 implementa uma plataforma que permite aos organizadores de eventos esportivos gerenciar a inscrição online.

"Temos o prazer de dar as boas-vindas à equipe Njuko à família Asics", disse Alex Vander Hoeven, CEO da Asics Runner App. A Europa é um mercado importante para a Asics e a plataforma Njuko provou ser a melhor tecnologia para este mercado."

Para o grupo Asics, que em agosto também adquiriu a R-bies, empresa também especializada no setor de corrida no Japão, o interesse é claro em criar um relacionamento direto com esses corredores, que se inscrevem para competições.

A marca explica que quer "melhorar a experiência do corredor, oferecendo programas de treinamento personalizados com o aplicativo Asics Runkeeper, eventos organizados pela Asics e outros benefícios por meio do programa de fidelidade".

Nos primeiros nove meses de seu ano fiscal encerrado no final de setembro, o grupo registrou um aumento de mais de 25% nas vendas de produtos de performance running em relação a 2021 e uma melhora em sua margem bruta, que passou de 44,2% em 2019 para 48,4%. em 2022. Durante o período, o grupo viu suas vendas gerais aumentarem quase 13%, para 363 bilhões de ienes, ou mais de 2,51 bilhões de euros. A oferta running está claramente impulsionando o crescimento da marca japonesa.

Copyright © 2022 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.