×
143
Fashion Jobs
MARISOL
Comprador jr
Efetivo - CLT · Jaraguá do Sul
YOUCOM
Analista de SEO (Redação) | Youcom
Efetivo - CLT · Porto Alegre
AMARO
Growth Analyst (Influencer Marketing)
Efetivo - CLT · São Paulo
AMARO
CRM Analyst
Efetivo - CLT · São Paulo
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Cidade de São Paulo
Efetivo - CLT · São Paulo
VIVARA
Aprendiz Comercial - Center Shopping Uberlândia
Efetivo - CLT · Uberlândia
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Del Rey
Efetivo - CLT · Belo Horizonte
VIVARA
Aprendiz Comercial - Shopping Uberaba
Efetivo - CLT · Uberaba
AMARO
Compliance Analyst
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
MARISOL
Representante Comercial - Jaraguá do Sul
Efetivo - CLT · Jaraguá do Sul
MARISOL
Representante Comercial - Pelotas
Efetivo - CLT · Pelotas
MARISOL
Vendedor (a) - Campinas
Efetivo - CLT · Campinas
MARISOL
Vendedor (a) - Porto Alegre
Efetivo - CLT · Porto Alegre
CAROL CAMPANA
Vendedora de Moda
Efetivo - CLT · SÃO PAULO
L'OREAL GROUP
Coordenador (a) Atendimento ao Consumidor
Efetivo - CLT · Rio de Janeiro
MARISOL
Representante Comercial - Florianópolis
Efetivo - CLT · Florianópolis
YOUCOM
Consultor de Vendas (Iguatemi Porto Alegre) - Youcom
Efetivo - CLT · Porto Alegre
AMARO
IT Support Analyst
Efetivo - CLT · São Paulo
MARISOL
Assistente Administrativo ii - Recursos Humanos (Varejo)
Efetivo - CLT · Jaraguá do Sul
YOUCOM
Consultor de Vendas | Youcom
Efetivo - CLT · Joinville
ABCM
Jornalista / Assessor de Imprensa
Free-lance ·
MARISOL
Vendedor (a) - Aracaju
Efetivo - CLT · Aracaju
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
14 de out de 2020
Tempo de leitura
10 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

As 20 melhores coleções apresentadas na última temporada de desfiles

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
14 de out de 2020

Esta temporada foi indiscutivelmente a mais estranha da moda nos últimos cinquenta anos, com estilistas ocupados questionando a real serventia de sua profissão em meio a uma pandemia. Em Paris, os franceses chamam isso de "une remise en question". E os diretores artísticos de grandes marcas, bem como das recém-criadas, muitas vezes reagiram olhando para trás, para sua juventude e para o motivo que os fez querer trabalhar com moda. 
 
Apresentadas online, em sessões privadas, através de vídeos pré-filmados ou durante desfiles ao vivo tradicionais, aqui estão as 20 melhores coleções de moda do mês, de acordo com o FashionNetwork.com


Christian Dior - primavera-verão 2021 - moda feminina - Paris - © PixelFormula


Christian Dior: moda feminista em uma catedral

Quase nos ajoelhamos quando vimos o cenário do desfile da Christian Dior, onde a diretora criativa Maria Grazia Chiuri revelou sua nova obra de moda feminista, sob uma marquise disposta como uma catedral artística no Jardin des Tuileries, em Paris. A coleção foi inspirada em seu encontro com Lucia Marcucci e no projeto "Vetrata di poesia visiva" da artista. Moda feminista e elegante, intimista e ultra-viva, nesta grande apresentação de Maria Grazia Chiuri.

Koché: resistência cool em um parque parisiense

Ninguém pode competir com Christelle Kocher quando se trata de misturar roupas esportivas e alta-costura urbana francesa. Criadora de tendências independente e show woman experiente, ela apresentou seu desfile de moda ao vivo no Buttes Chaumont, um fantástico parque parisiense com penhascos íngremes e quiosques charmosos. Macacões listrados como camisas de futebol, negligées jeans, sutiãs e boxers esportivos com acabamento em renda, e lindos vestidos de noite com capuz em jacquard estampado.

"Por que estou fazendo um desfile de moda? Bem... É uma questão de resistência. É uma questão de emoção. Trata-se de estar vivo", disse Kocher, resumindo a remise en question que foi o lema da temporada.
 
Coperni: elegância simplificada na Tour Montparnasse

A dupla francesa Coperni concebeu uma excelente coleção para a temporada, apresentada sob uma chuva torrencial no último andar da Tour Montparnasse. Edie Campbell abriu o desfile vestindo em um conjunto all white composto por uma jaqueta curta de aviador e jodhpurs stretch. Vestidos de noite esculturais, ternos de linhas puras e arquitetônicas, e camisas formidáveis ​​revelando o ombro foram apresentando, além de um conjunto turquesa deslumbrante - com legging e corta-vento com zíper: um estilo despojado para as Olimpíadas.


Simone Rocha - primavera-verão 2021 - moda feminina - Londres


Simone Rocha: Jane Austen se encontra com Caterina di Medici

O encontro de Jane Austen com Catarina de Medici na coleção mais espetacular de Londres: um pináculo do romantismo etéreo de Simone Rocha, no seu melhor. O desfile, compartilhado ao vivo nas redes sociais, foi apresentado em uma galeria em Mayfair, e abriu com vestidos de baile divinos, cortados para envolver os ombros em nuvens de tafetá ou seda. A paleta de cores, descrita por Simone Rocha como "âmbar, ouro e mirra", reforçou o ambiente sagrado.

Akris: minimalismo fosforescente

Akris escolheu uma abordagem inovadora nesta temporada, sem desfile ao vivo em Paris ou vídeos. Em vez disso, o designer Albert Kriemler optou por se associar ao formidável artista abstrato minimalista alemão, Imi Knoebel, e imortalizou a colaboração em um filme dirigido por Anton Corbijn. Ele se inspirou nas pinturas do final dos anos 90 de Imi Knoebel para bolsas de couro, vestidos-túnica fantásticos, terninhos de renda fosforescentes e sobretudos, apresentados diante das esculturas do artista, na mais recente reviravolta à enobrecedora moda modernista que é a Akris.


Erdem - primavera-verão 2021 - moda feminina - Londres - © PixelFormula


Erdem e Emma

Um encantador desfile de vídeo entre fileiras de árvores em um parque, evocando o triângulo amoroso do século 18 entre Emma Hamilton, seu marido e Horatio Nelson. Emma, ​​que pertencia à corte dos Bourbon em Nápoles, ostentava vestidos de cintura alta no estilo Directoire, uma silhueta de uma deusa grega e camisas leves e simples jogadas sobre o ombro. Cabelo solto, pérolas nas orelhas, fitas flutuando sobre inúmeras golas e lapelas, laços salientes: este é o exemplo mais recente do historicismo elegante de Erdem Moralioglu.

Molly Goddard: diversão figital

Molly apresentou um desfile "figital" (uma mistura entre o físico e o digital, para o digital) para uma coleção sucinta e sexy, com garotas em uma passarela instalada em uma galeria de arte toda branca. Ela envolveu as mulheres em quilômetros de tecidos franzidos, plissados ​​e babados, mas mantendo-as sempre sedutoras. Suas roupas foram feitas para chamar a atenção no Instagram, mas são sempre cool, como seus vestidos babydoll rosa e aventais usados ​​sobre calças largas, e suas lindas femme fatales estilo roqueiras da era vitoriana.

Marrknull inventa uma nobreza afiada

Uma fileira com dezenas de jovens asiáticas de cabelos esvoaçantes, que pareciam ter badalado a noite toda. Corpetes volumosos assimétricos, vestidos de noite em couro envernizado encerado, calças "darling" desestruturadas, para uma coleção com cortes inventivos. Esta marca de prêt-à-porter unissex de Pequim, fundada por Wang Wei e Tim Shi, reinventa a roupa tradicional chinesa com um ar descontraído e desestruturado.
 
Marni: imaginário artesanal

Francesco Risso apresentou um desfile conceitual ao vivo que realmente não funcionou. Ele filmou vários amigos em uma dúzia de cidades, posando em uma série de lugares estranhamente escolhidos. Em contrapartida, a coleção em si foi bastante mágica. Impressões expressionistas abstratas intensas; listras difusas, gráficos ousados ​​magistrais e textos de graffiti hippie-chic - todos usados ​​em sobretudos, casacos gigantes, vestidos de noite assimétricos e blusões esportivos usados ​​do avesso.

Versace: mar, sexo e sol

Na trilha sonora o barulho do mar, do vento e de tempestades, em um cenário que levou a antiga Pompeia à Milão: estátuas de Hércules e imperadores autoritários, cabeças de Medusa com um metro de largura, capitais coríntios destruídos e apenas cem espectadores empoleirados em mini colunas caneladas.
 
O elenco marchando em torno de um pavimento arenoso em uma das coleções mais marcantes de Donatella. Garotas com calças com fendas na cintura, blazers felinos com broches de cristal em formato de estrela do mar, corpetes de imagens deslumbrantes, saias com gráficos de computador retrô cortados logo abaixo do joelho. Rapazes em ternos bem cortados com jaquetas oversized, tops em tecido técnico com estampa de gravata, calças risca de giz e outras estilo guarda-sol de praia multicolorido. O desfile encerrou com roupas excelentes para clubes noturnos,   com uma nova estampa de praia e conchas da Versace, disponível em leggings, jaquetas bomber minimalistas, shorts e joggers de rapper, sem falar nos micro-sutiãs com cristais. Um novo estilo esportivo para pessoas fabulosas e bem torneadas.
 

Yohji Yamamoto - primavera-verão 2021 - moda feminina - Paris - © PixelFormula


Yohji Yamamoto: drapeados impecáveis 

Aqueles que queriam assistir à uma demonstração de moda puramente criativa foram ao desfile de Yohji Yamamoto. Por causa da pandemia, houve apenas um desfile na sexta-feira chuvosa da Semana da Moda de Paris. Yohji Yamamoto garantiu que fosse excepcional, apresentado com elegância sob os ouros do enorme salão de baile do Hôtel de Ville em Paris. Poucos no mundo são capazes de criar drapeados como Yamamoto, que enrolou, esculpiu e amarrou pedaços de seda e lã fina em volta dos corpos de suas modelos com ar angelical.
 
Emporio Armani: construindo pontes

Giorgio Armani se esquivou de qualquer apresentação física durante a Semana da Moda de Milão, mas seu vídeo para a Emporio Armani continha toda a energia necessária. Intitulado "Building Dialogues", ele foi gravado em sua sede milanesa, uma antiga fábrica de chocolate Nestlé recriada pelo arquiteto Tadao Ando, ​​e em seu espaço de exposição, Armani/ Silos.
 
A famosa paleta de cores arenosas de Giorgio nunca foi tão boa, vista também na decoração austera dos edifícios. No próximo verão, Armani quer ver as garotas em jaquetas e blazers de couro cru com estampa Holstein preto e branco, ternos listrados preto e cinza perfeitamente cortados, vestidos de banho de sol de verão e terninhos masculinos com decotes profundos - extraído de uma de suas coleções Emporio mais corajosas.

Dries van Noten: ágil como Len Lye

Para a temporada de verão do prêt-à-porter masculino, o estilista belga apresentou um vídeo. Felizmente, este recebeu muitos aplausos. Intitulado "Vídeo" e dirigido por Viviane Sassen, ele mostrou tops ao estilo dervixe rodopiante em um estúdio de Amsterdã recriado como um clube hipster, com projeções de luz. Dries Van Noten evocou vestidos com toque masculino, looks de oficial colonial e trajes de esgrima brilhantes. Para os meninos, shorts de caminhada com toneladas de etiquetas metálicas e partes de cima em rede arrastão justas em materiais técnicos. Ele trabalhou em parceria com a fundação do artista e diretor da Nova Zelândia, Len Lye, que gostava de fazer experimentos com tintas, estênceis, tinta spray, canetinhas e até instrumentos cirúrgicos. O designer desenvolveu assim uma gama hipnotizante de novos tons psicodélicos e manchas coloridas - um cruzamento entre cortes inovadores e inteligentes e seu talento como mestre das estampas.

Hermès: qualidade no topo da montanha

Uma celebração purista do amor francês no espetáculo na Hermès, o desfile de moda mais habilmente encenado do calendário internacional, apresentado dentro do Clube de Tênis de Paris, transformado em um cenário de montanhas com cumes que iam até o teto. A reação da designer Nadège Vanhee-Cybulski à pandemia foi a ultra-qualidade, expressa em enfeites limitados e estilo despojado: blazers masculinos ideais, coletes de pesca minimalistas ou até mesmo saias de couro de cintura baixa que pareciam feitas de aço. Casacos refinados, vestidos atados nas laterais ou ainda jaquetas de cashmere dupla face, todos implorando para serem acariciados.

Acne: Turrell nas torres do Grand Palais

A bela última coleção de Jonny Johansson para a marca sueca será para sempre, sem dúvida, um marco. A ideia principal era a forma como a luz brinca com as roupas e culturas, ecoando o trabalho de James Turrell. Jonny Johansson desenvolveu uma coleção intrigante de roupas formais: corpetes envolventes com mangas bem longas, tricôs maravilhosos com mangas jesuítas gigantes, blazers masculinos de grandes dimensões em algodão cru amassado - todos envoltos em uma luz suave. A coleção foi apresentada a jornalistas e pessoas influentes em grupos de 30, em três galerias de arte simuladas iluminadas por luzes de cinema.


Balmain - primavera-verão 2021 - moda feminina - Paris - © PixelFormula


Balmain: logomania para uma primeira fila virtual

J.Lo, Penelope Cruz e uma série de jornalistas de moda fizeram uma aparição em Paris nesta temporada - embora virtual - para o novo desfile Balmain. Cada um deles sendo projetado em uma tela gigante, assistindo ao desfile do conforto de sua casa ou escritório - de Pequim e Milão a Londres ou Nova York. Isso permitiu que eles e muitos de seus cães experimentassem a visão inundada de logo de Olivier Rousteing para a Balmain. Uma declaração de moda poderosa do designer, na qual um em cada dois looks apresentava o logotipo histórico em uma estampa densa.

Paco Rabanne relevante novamente

O designer Julien Dossena apresentou uma série de mini-desfiles no Espace Commines, na região do Marais, em Paris, redesenhado em forma de um grande cilindro de prata. A trilha sonora era interrompida por cachorros latindo, buzinas de carros, sirenes da polícia e gritos de fotógrafos na rua lá fora. Vestidos vaporosos prateados complementados por espartilhos e faixas de pele de leopardo por baixo. Lindas lingeries rosa e minivestidos de botão ou jaquetas sem mangas da era espacial. Em suma, Julien Dossena ressuscitou uma marca considerada uma relíquia retrô.

Miu Miu: medalhistas de ouro olímpico à la italiana

Depois de apresentar sua coleção Prada, a primeira que desenhou com Raf Simons, em Milão, Miuccia Prada revelou a nova coleção da Miu Miu doze dias depois em Paris. Ambas foram apresentadas online e também em várias cidades, à grupos de fashionistas escolhidos a dedo durante almoços chiques. Inevitavelmente, surgiu a questão: Miuccia produziria uma coleção melhor trabalhando sozinha ou com Raf? Se levarmos em conta apenas esta temporada, a resposta é: sozinha, sem dúvida. A coleção da Miu Miu foi o ápice da elegância sexy e esportiva. Joggers, jaquetas justas, minissaias, shorts cônicos e body foram o foco. Uma transformação italiana glamourosa para os campeões olímpicos da Alemanha Oriental.

Maison Margiela: tango parisiense

A inspiração de Galliano foi uma viagem ao bairro de La Boca, em Buenos Aires, e a descoberta de seu primeiro bar de tango. Em um vídeo de Nick Knight, o estilista inglês se lembrava de "uma garagem dilapidada com gatos selvagens correndo ao luar, neste clube particular de tango. Antes de um octogenário começar a dançar". As roupas em si eram ternos soltos no estilo argentino, sobretudos acolchoados, suéteres usados ​​sob os suspensórios e calças listradas. Mulheres em vestidos de seda vermelho-sangue, ideais para dançar, jaquetas desestruturadas e trench coats recortados. Esta obra de 44 minutos terminou com um banquete de casamento orgiástico sob uma chuva torrencial. Um vídeo marcante e uma coleção poderosa.

Louis Vuitton

Nicolas Ghesquière apresentou uma coleção sem gênero definido para a Louis Vuitton, que desenvolveu um jargão ousado para abordar o lento desaparecimento das distinções entre homens e mulheres. E o criador deixou suas opiniões bem claras. Sua primeira modelo vestia um moletom branco solto com uma inscrição em grafite que dizia "Vote". Outras apresentavam estampas urbanas explosivas com os dizeres "Drive", "Hooks" ou "Dunce" em cores de carros de corrida. Ideias pungentes em vestidos de noite ajustados sob fantásticos e volumosos sobretudos de heroínas de filmes de espionagem, vestidos-casacos masculinos de cintura baixa fantásticos e as melhores calças que vimos nesta temporada: para homens, em uma versão com babados bufantes, usada com uma jaqueta de oficial.

Copyright © 2020 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.