Argentina importa 290,2 milhões de dólares em vestuário no primeiro semestre do ano

A Câmara Argentina do Vestuário (CIAI) informou neste mês de agosto que as importações de vestuário de janeiro a junho de 2018 alcançaram os 290,2 milhões de dólares, o que representa um aumento de 18,9% em relação ao mesmo período do ano anterior.


Argentina importa 290,2 milhões de dólares em vestuário no primeiro semestre do ano - F2F

Em termos de volume de importação atingiram os 13,7 milhões de quilos, 26,3% a mais do que o total importando nos primeiros seis meses de 2017. Quanto ao preço médio por quilo, este alcançou de janeiro a junho deste ano os 21,1 dólares por quilo, o que representa uma queda de 5,8% em relação ao mesmo período de 2017.

Em relação aos principais países de origem, a China mantém sua participação majoritária, com 60,8% do valor e em torno de 69,9% do volume, esse percentual equivale a 176,6 milhões de dólares e 9,6 milhões de quilos. A China é seguida por países como Vietnã, Peru, Bangladesh, Índia, Paraguai, Camboja, Indonésia, Turquia, Paquistão, Colômbia, Brasil, Tailândia e Marrocos.

Por tipo de peça, os casacos continuam sendo a categoria mais importada no mercado argentino, com 27,3% do total, em segundo lugar, as calças com 17,4% e as blusas em terceiro lugar, com 15,7%; as três categorias têm a China como principal país de origem.
 

Traduzido por Isabel Pimentel

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirIndústria
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER