×
Por
AFP
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
14 de set. de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Após deixar a Nike, Neymar une forças com a Puma

Por
AFP
Traduzido por
Estela Ataíde
Publicado em
14 de set. de 2020

Neymar, o astro brasileiro do futebol, anunciou no sábado (12) que assinou um contrato com a marca esportiva alemã Puma, após se separar da Nike.


Neymar se juntou à Puma - Puma


“Bem-vindo à família”, saudou a marca alemã no Twitter com uma fotografia do jogador do Paris Saint-Germain, sem especificar a duração e o valor do contrato.

“Cresci assistindo vídeos de lendas do futebol como Pelé, Cruyff, Eusébio e Maradona”, e “todos eles jogaram com a Puma”, escreveu o atacante em uma carta publicada nas redes sociais. “Por essa razão, a partir de hoje, tenho a honra de ingressar na marca que ajudou as maiores lendas do futebol a serem o que são.”

Nem o jogador nem a Puma deram detalhes sobre o conteúdo, duração ou o valor do contrato.

A Puma vinha sendo anunciada na imprensa brasileira como a nova fornecedora de equipamentos do atacante após ele ter colocado um fim na sua parceria com a Nike no final de agosto. A marca americana se uniu ao prodígio brasileiro quando este tinha apenas 13 anos. A Nike é igualmente parceira do Paris Saint-Germain.


Puma


Na última quinta-feira (10), o jogador deu uma dica sobre o seu futuro contrato, publicando uma fotografia do jogo Lens-PSG sendo transmitido em uma televisão, ao lado da qual se encontrava uma estátua de um puma.
 
A Puma conta no seu portfólio com a seleção italiana, Antoine Griezmann, Manchester City e AC Milan. Mas, desde a reforma esportiva do atleta jamaicano Usain Bolt, a Puma já não tinha na sua lista de embaixadores personalidades com a aura planetária de Neymar.
 
O jornal Folha de São Paulo assegurou que o último contrato assinado por Neymar com a Nike tinha uma duração de onze anos e terminaria em 2022, tendo um valor total de 105 milhões de dólares.

A revista Forbes, que o classifica como a sétima celebridade mais bem paga do mundo, estima os seus rendimentos este ano em 95,5 milhões de dólares, incluindo acordos de patrocínio.

Copyright © AFP. Todos os direitos reservados. A Reedição ou a retransmissão dos conteúdos desta página está expressamente proibida sem a aprovação escrita da AFP.