×
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
8 de nov. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Ann Demeulemeester convidada especial do Pitti Uomo 101

Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
8 de nov. de 2021

A marca icônica fundada em Antuérpia pela estilista belga Ann Demeulemeester e adquirida em 2020 por Claudio Antonioli foi escolhido como Convidada Especial da edição de inverno da Pitti Uomo, a maior mostra de desfiles de moda masculina do mundo, que acontece em Florença de 11 a 13 de janeiro. Ann Demeulemeester será a protagonista de um evento especial, na quarta-feira (12 de janeiro), na histórica Stazione Leopolda – a primeira estação ferroviária de Florença inaugurada em 1848, aberta a eventos e exposições culturais e criativos contemporâneos desde os anos 90.


A Ann Demeulemeesteré conhecida pela elegante alfaiataria e estética obscura, mas glamourosa - Ann Demeulemeester


"Sempre gostamos do estilo Ann Demeulemeester" (disse Lapo Cianchi, diretor de Comunicações e Eventos da Pitti Immagine), "tanto pela sua capacidade de evitar a homologação como de ocupar silenciosamente, mas com determinação, um espaço específico na cena internacional, e pela sua capacidade de se renovar enquanto se mantém fiel à sua intuição original".

"O novo curso, iniciado por um empresário visionário como Claudio Antonioli, trabalha sobre essas personagens através de um diálogo ideal com a fundadora e os seus cânones. Temos a honra de retomar em Florença uma história que começou há 40 anos, em 1982", acrescentou
Cianchi. "O evento planejado para a Pitti Uomo 101 terá uma energia especial, graças ao intercâmbio entre diferentes formas de expressão criativa, um enfoque especial nas gerações mais jovens e um conto sincrônico do futuro, presente e passado da moda de Ann Demeulemeester".
 
Ann Demeulemeester formou-se na Royal Academy of Fine Arts em Antuérpia em 1981, e a partir de 1982 participou com as suas primeiras coleções em concursos e eventos de moda. Lançou a sua marca homônima e a sua primeira coleção comercial em 1987 com Patrick Robyn, o seu parceiro criativo de longa data. O primeiro desfile em Paris em 1992 colocou-a imediatamente no mapa da moda internacional.

Ann Demeulemeester deixou a sua marca em 2013 e desde então tem experimentado uma variedade de novos formatos expressivos. Em 2020, a marca Ann Demeulemeester foi adquirida por Claudio Antonioli, um empresário milanês e caçador de talentos, que assumiu as rédeas da marca com um grande respeito pelo seu passado e com uma visão clara do futuro. A missão é reposicionar Ann Demeulemeester como uma marca de moda de luxo, mantendo-se fiel à sua imagem: uma linguagem de contrastes que cobre toda uma gama de emoções. Conhecida pela elegante alfaiataria e estética obscura, mas glamourosa, Ann Demeulemeester criou um mundo sereno e sombriamente romântico com uma intrigante mistura de rebeldia e sofisticação.
 

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.