×
163
Fashion Jobs
Publicado em
5 de mai de 2014
Tempo de leitura
3 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Amsterdã prepara o seu quartel-general do denim

Publicado em
5 de mai de 2014

Amsterdã quer ser a capital europeia do denim. A concentração de marcas de jeans na capital dos Países Baixos é bem impressionante. Marcas-chave do setor, como a G-Star mas também a sede Europa da Tommy Hilfiger estão instaladas ali. A cidade atraiu também novos talentos. Scotch & Soda, Denham, Kings of Indigo ou Kuyichi, todas cresceram na Holanda. O salão especializado no denim, Kingpins, organiza na cidade a sua primeira edição europeia nesta semana.

Perspectivas dos futuros espaços do Denim City Headquarters.


De modo que muitos apaixonados pelo tecido azul e por Amsterdã viram a oportunidade de criar aí uma dinâmica de grupo. Assim, a Associação House of Denim cresceu em poder no início da década com a ambição de imaginar o denim e as práticas de amanhã.

Os seus membros desejam federar os profissionais, sensibilizando-os quanto às problemáticas ambientais. A House of Denim organiza desde 2012 seções de formação para as profissões envolvidas no denim por meio da sua Jeanschool, montada com a estrutura de formação Rocva.

Neste ano, a House of Denim vence uma nova etapa. Em outubro, ela abrirá o Denim City Headquarters. Um projeto que ela apresenta durante os Denim Days, que ocorrem nesta semana na capital dos Países Baixos.

O objetivo continua a ser aquele de sensibilizar a indústria do denim para métodos de produção mais específicos e que utilizem menos água. O local tem por vocação atrair não apenas os especialistas em denim, mas também as marcas do setor.

A House of Denim conseguiu o apoio da cidade de Amsterdã, que ergueu o projeto de renovação do edifício, da Rocva, de empresas especializadas na reciclagem e na lavagem de tecidos... A Associação terá, em seguida, a responsabilidade de atrair os membros e colocar para funcionar o crowdfunding [financiamento coletivo] para tornar possível a estrutura.

Workshop e laboratórios

No local os membros poderão explorar diferentes serviços à sua disposição. Este quartel-general beneficiar-se-á de 125 metros quadrados de arquivos disponibilizados pela House of Denim e diferentes parceiros. Esses recursos estarão disponíveis para os utilizadores do Workshop.

Este espaço de 275 metros quadrados de máquinas de costura poderá, ao mesmo tempo, servir de ateliê de produção para as empresas especializadas em upcycling* ou ainda de espaço para a experimentação por parte de membros de uma incubadora de empresas.

Ele será também utilizado como sala de estudos para a Jeanschool. Unicamente voltada para os estudantes holandeses até então, o curso receberá 25 estudantes estrangeiros em 2015.

O Denim City Headquarters disponibilizará ateliês. Imagens: House of Denim.


O Denim City Headquarters também vai oferecer escritórios para locação, com uma área de 300 metros quadrados, para que as empresas ou especialistas em denim, que desejam visitar Amsterdã, possam contar com uma pousada. Uma vez que o local pretende criar vínculos entre os profissionais.

Ele integra um centro de expertise para favorecer o intercâmbio e a criação de projetos inovadores no design e o desenvolvimento sustentável na indústria do jeans. O Blue lab é assim dedicado às pesquisas realizadas sobre lavagens e deslavagens, com parceiros industriais, como a Jeanologie e a Garmon, tendo como cabeça o FG Group do empreendedor germano-turco Fuat Gozacan.

Com o ‘red light project’, a House of Denim coloca concretamente para funcionar o Denim City Headquarters. Imagem: House of denim.


A House of Denim joga a carta da concretização já nos Denim Days, com a implantação do primeiro projeto batizado Red Light Denim. Durante o salão, que ocorre nesta primeira semana de maio, jeans já utilizados serão coletados em colaboração com a KICI, especializada na coleta de roupas na Holanda. Em seguida, o denim será desconstruído, depois misturado com algodão virgem para a criação de novos fios. E, enfim, para oferecer um novo denim.

* processo para transformar resíduos ou produtos inúteis e descartáveis em novos materiais ou produtos de maior valor.

Copyright © 2020 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.