×
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
10 de mai. de 2021
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

América Latina se tornou a nova potência mundial do comércio eletrônico durante a pandemia

Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
10 de mai. de 2021

A América Latina se tornou uma das regiões com maior potencial para se estabelecer no segmento de comércio eletrônico, com forte crescimento de dois dígitos no gasto total anual do consumidor.


América Latina se posiciona como a nova potência do comércio eletrônico.


Os dados são do novo relatório "A próxima fronteira: os mercados mais promissores para líderes de comércio eletrônico emergentes em 2021 e além", realizado pela PayU, empresa de pagamentos eletrônicos e fintech da Prosus.

De acordo com o relatório, em 2020, na América Latina, foram gastos mais de 14 bilhões de dólares online apenas no setor de Moda e Acessórios. Nas plataformas da PayU, foi evidenciado um crescimento de três dígitos (191%) nos gastos online dos consumidores neste setor. A Argentina registrou um crescimento ano-a-ano de 447% nos gastos totais e o valor médio de transação mais alto, 108 dólares.

No setor de Beleza e Cosméticos, quase 3,8 bilhões de dólares foram gastos no ano passado. O México e o Brasil mostraram as maiores oportunidades para varejistas online neste setor, em termos de maior gasto total online dos consumidores.

Na PayU, os gastos online totais nesta categoria aumentaram nesses países em 1.410% e 1.276%, respectivamente, entre 2019 e 2020, com o crescimento anual total dos gastos online na região chegando a 133%.

Olhando para o futuro, até o final de 2021, as vendas totais de e-commerce de Moda e Acessórios devem ultrapassar 1,7 bilhão de dólares, o que comprova o claro potencial para qualquer comerciante neste setor que queira se expandir internacionalmente

Copyright © 2021 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.