Alpargatas deixará de atuar no segmento de botas profissionais

A Alpargatas vai deixar de atuar no segmento de botas profissionais. Em comunicado enviado ao mercado, a empresa anunciou a venda de seus ativos relacionados à marca Sete Léguas para a M2JF Participações pelo valor de R$ 5,097 milhões.


A Alpargatas ainda irá manter a produção e fornecimento de produtos por até 18 meses - Foto: Divulgação

“A negociação incluiu a venda dos Equipamentos e Propriedade Industrial relacionados a tal negócio, sendo que a Alpargatas manterá a produção e fornecimento de Produtos por um período de até 18 meses. Como consequência da Transação, a Companhia deixará de atuar no segmento de botas profissionais”, afirma o documento.
 
Em setembro de 2018, o empresário Carlos Roberto Wizard Martins, do grupo Sforza, adquiriu 22,5% da unidade de negócios da marca Topper na Argentina e no mundo por R$ 100 milhões. O grupo Sforza já detinha as operações da Topper no Brasil e as operações globais da Rainha desde 2015. Naquela época, a empresa assumiu o compromisso de comprar 20% da Topper na Argentina, país em que a marca é bem mais popular do que no Brasil. Esse percentual foi renegociado agora para 22,5%. 
 
 
 

Copyright © 2019 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

ModaIndústriaNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER