×
Publicidade
Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
9 de nov. de 2020
Tempo de leitura
2 Minutos
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Alibaba e Richemont vão investir quase 1 bilião de euros na Farfetch e se concentrar na China

Por
Reuters API
Traduzido por
Novello Dariella
Publicado em
9 de nov. de 2020

O chinês Alibaba Group Holding Ltd. e o suíço Richemont Group vão investir 1,1 bilhão de dólares na varejista portuguesa de moda de luxo online, Farfetch Ltd., e em seu novo mercado chinês, à medida que a demanda online por artigos  de luxo aumenta no país asiático.


Alibaba e Richemont vão investirquase um bilião de euros naFarfetch - Farfetch


A Alibaba disse na quinta-feira (5) que vai lançar os canais de compras Farfetch em suas plataformas de e-commerce Tmall Luxury Pavilion e Luxury Soho, enquanto também investirá na recém-formada Farfetch China junto com a Richemont.

As ações da Farfetch subiram cerca de 9% no fechamento do pregão.

O mercado de luxo chinês, que deve responder por metade das vendas globais de luxo até 2025, teve uma forte recuperação este ano, com os consumidores emergindo do confinamento provocado pela pandemia de Covid-19.

A proprietária da Versace, Capri Holdings Ltd; a proprietário da Coach, Tapestry Inc.; e a empresa controladora da Louis Vuitton, LVMH, estão entre as empresas que conseguiram compensar as quedas após os lockdowns nas capitais da moda do mundo, enquanto a demanda na China aumentou.
 
Alibaba e Richemont vão investir 300 milhões de dólares cada na Farfetch, e 250 milhões de dólares cada por uma participação de 25% na joint-venture, que incluirá as operações da Farfetch na China.
 
A Farfetch, que conta com os concorrentes do Alibaba, JD.com e Tencent Holdings Ltd., entre seus investidores, poderá expandir seu alcance aos 757 milhões de consumidores do Alibaba.
 
Enquanto isso, Artemis, o acionista majoritário do grupo Kering, dono da Gucci, também planeja aumentar sua participação na Farfetch, de acordo com um comunicado conjunto.
 

© Thomson Reuters 2021 All rights reserved.