×
Por
Reuters
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
20 de dez. de 2021
Compartilhar
Baixar
Fazer download do artigo
Imprimir
Clique aqui para imprimir
Tamanho do texto
aA+ aA-

Adidas planeja nova recompra de ações

Por
Reuters
Traduzido por
Helena OSORIO
Publicado em
20 de dez. de 2021

A Adidas informou na quinta-feira (16 de dezembro) que quer recomprar suas ações por 4 bilhões de euros até 2025, e irá devolver a maior parte das receitas com o dinheiro proveniente da venda da Reebok.


O diretor financeiro da Adidas diz que, "nos próximos dois anos, o negócio irá gerar significativamente mais dinheiro do que nunca" - Adidas


A empresa alemã de vestuário esportivo afirmou que irá cancelar a maioria das ações recompradas durante o programa, o que reduziria o número de ações, bem como o capital social, em conformidade. A recompra terá início em janeiro de 2022 e decorrerá até 2025.
 
A mudança faz parte dos planos anunciados pela Adidas, no início deste ano, para devolver até 9 bilhões de euros aos seus acionistas nos próximos cinco anos, através do pagamento de dividendos entre 30% e 50% do rendimento líquido da continuação das operações, juntamente com a recompra de ações.

"Nos próximos dois anos, o nosso negócio irá gerar significativamente mais dinheiro do que nunca", disse o diretor financeiro Harm Ohlmeyer, em um comunicado.
 
A empresa também irá transferir aos acionistas a maior parte dos lucros em dinheiro provenientes do desinvestimento da subsidiária americana Reebok, que espera concluir no primeiro trimestre de 2022, afirmou.
 
Em agosto, a Adidas anunciou a venda da Reebok ao Authentic Brands Group (ABG) por 2,1 bilhões de euros, para se concentrar em sua marca principal.

© Thomson Reuters 2022 Todos os direitos reservados.