Sotheby’s escolhe ex-CEO da Dior para liderar suas divisões de jóias e relógios

A casa de leilão, Sotheby’s, nomeou Laurence Nicolas, ex-CEO da divisão de relógios e jóias da Dior, para o cargo recém-criado de vice-presidente executivo e diretor-gerente de jóias e relógios.


Laurence Nicolas já ocupou cargos sêniores na Christian Dior Couture e Cartier.

A nomeação reflete um novo enfoque nessas categorias, descrias pela Sotheby's como duas das que têm crescimento mais rápido. Laurence Nicolas vai supervisionar os vários canais dos dois negócios, incluindo leilão, private, e-commerce, varejo, bem como o empreendimento de diamantes da empresa.

"Nossas divisões de jóias e relógios operam em mercados muito maiores do que o da arte e esse papel recém-criado foi desenhado para fortalecer nossa estratégia cross-platform e para aproveitar essa significativa oportunidade", disse o CEO da empresa, Tad Smith.

"A criatividade, energia e experiência de Laurence, sem dúvida, serão inspiradoras para as equipes talentosas que ela vai liderar, ao mesmo tempo que aprimora ainda mais a experiência de nossos clientes e promove o crescimento da Sotheby's nessas duas áreas-chave".

Laurence Nicolas tem um sólido background no setor de jóias, tendo passado os últimos 16 anos na Christian Dior Couture como diretora executiva de relógios e jóias finas da Dior. Ela também ocupou posições-chave na joalheria de luxo Cartier entre 1990 e 2001, onde esteve envolvida nas operações internacionais de varejo e marketing.

Fundada em Londres em 1744 e com sede em Nova York, a Sotheby's é o destino ideal para os colecionadores de arte. Ele vende jóias finas e relógios exclusivos de marcas como Cartier, Harry Winston, Rolex, Chopard e Bulgari.

Laurence Nicolas vai se juntar à companhia em fevereiro e se reportar diretamente ao CEO, Tad Smith.
 

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

RelojoariaJoalhariaLuxo - DiversosNomeações