Prada inaugura nova sede de Valvigna

A Prada inaugurou na sexta-feira, 8 de junho, a nova sede industrial de Valvigna, na província de Arezzo, na Itália, projetada pelo arquiteto Guido Canali, que trabalha com a marca há 20 anos, e é o responsável pelo projeto da fábrica de Montevarchi, em 1999, e de Montegranaro, em 2001.


Nova sede da Prada em Valvigna, na província de Arezzo
 
A nova sede, que tem mais de 32 mil metros quadrados de área construída, abriga a produção e o desenvolvimento das coleções de artigos de couro da Prada e da Miu Miu, os armazéns de matérias-primas, os arquivos históricos das coleções de artigos de couro e calçados, os escritórios de serviços gerais e administrativos industriais, um auditório, salas técnicas e o centro de processamento de dados do Grupo Prada.
 
A estrutura é dividida em quatro áreas distintas: a principal, com o armazém de mercadorias no piso térreo e os laboratórios de amostras no primeiro andar; o corpo técnico local, com as centrais elétricas, térmicas e hidráulicas; e os escritórios e o refeitório.
 
Em Valvigna, a Prada tem continuado o conceito de "fábricas jardim", já implantado em Montevarchi e Montegranaro, com o objetivo de reciclar uma área degradada e minimizar o impacto sobre a paisagem dos novos edifícios. A sede está de fato imersa na natureza e tem espelhos d’água com uma função de reserva de energia, além de 3.275 metros quadrados de gramado semeado, 2.800 metros quadrados de tapetes verdes, 8.700 trepadeiras, 29.000 arbustos, 74.000 plantas cobrindo o solo e herbáceas, 297 árvores e 980 videiras, para um total de 20 toneladas de CO2 absorvidos por ano.


A sede da Pradaestácercada por natureza

"A visão comum sobre a forma de abordar a questão da fábrica e do ambiente de trabalho foi desenvolvida com Guido Canali baseada em três princípios fundamentais: o respeito pelo trabalhador e trabalho, uma interpretação totalmente compartilhada do conceito de 'qualidade sem compromisso', o reconhecimento da importância do detalhe como expressão da eficiência", afirmou Patrizio Bertelli, CEO do Grupo Prada. “A sede industrial de Valvigna representa a síntese destes princípios: uma arquitetura que respeita o lugar em que está inserida, capaz de gerar eficiência responsável e sustentável e obter um equilíbrio de intervenção arquitetônica com a natureza circundante".
 
Durante a inauguração da nova sede, foi apresentado o livro "Guido Canali Architetture per Prada", com curadoria de Italo Lupi, dedicado à colaboração entre arquiteto e a maison.

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Luxo - DiversosInovações
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER