Nicola Formichetti deixa seu cargo na Diesel

Enquanto o cargo de CEO da Diesel permanece desocupado, a marca do grupo OTB enfrenta o anúncio da saída de seu diretor criativo, Nicola Formichetti, que assumiu as rédeas do estilo da empresa italiana em 2013 e levou a marca em uma direção mais criativa, de volta às suas raízes denim.


Nicola Formichetti e Renzo Rosso, fundador da Diesel e presidente da OTB. - Diesel

O designer italo-japonês vai encerrar sua aventura na marca italiana no final do ano, quando termina o seu contrato que não será renovado.

"Quero agradecer Nicola por sua colaboração ao longo desses anos, que permanecerá como um momento especial na história da nossa marca", declarou Renzo Rosso, fundador da Diesel e presidente do grupo OTB, em um comunicado. "Ele retomou o nosso passado, nossas peças emblemáticas e as reformulou com o DNA da marca, relançando a imagem da Diesel sobre os valores da liberdade e originalidade", acrescentou.

A marca anunciou recentemente que seu diretor geral, Alessandro Bogliolo, deixaria a empresa para dirigir a marca de jóias, Tiffany. Desde então, ainda não foi entrou um substituto. Nicola Formichetti tem sido especialmente ativo com sua marca própria desde a última Semana de Moda de Londres, e assinou um acordo com a Amazon.

A Diesel, por outro lado, mudou de comunicação no outono, freando suas redes sociais, o que apagou o trabalho realizado pelo seu diretor criativo nos últimos anos.

Nicola Formichetti deixou a empresa no início de dezembro, coincidindo com a nomeação de um novo diretor geral para o grupo, Ubaldo Minelli.

A marca transalpina registrou um volume de negócios de 960 milhões de euros em 2016, e segue acumulando perdas.




 

Traduzido por Novello Dariella

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirDenimLuxo - Pronto-a-vestirCriação