Movimento Sou de Algodão promove o uso de algodão sustentável na moda

Sou de Algodão é uma iniciativa criada pela Associação Brasileira dos Produtores de Algodão - Abrapa - em 2016, lançada durante a São Paulo Fashion Week,  que promove o uso de ao menos 70% do algodão brasileiro sustentável na composição dos tecidos, que "proporcione conforto e durabilidade ao consumidor, e que seja fabricado respeitando o meio ambiente e o trabalhador”. Essa promoção é feita através de ações de incentivo ao uso deste na indústria têxtil. 


Sou de Algodão - Divulgação

A iniciativa conta com apoiadores como a estilista Martha Medeiros e a Lojas Renner,  e ganhou também o engajamento da ABVTEX - Associação Brasileira do Varejo Têxtil, que representa as principais redes de varejo de moda do País.

O movimento convoca os participantes a utilizaram a hashtag #soudealgodão nas redes sociais, e usarem o selo digital em seus pontos de venda, que identifica a peça que faz parte dele e é fabricada com a quantidade ideal sugerida, superior a 70% de algodão sustentável.

“Como elo importante da cadeia, o varejo de moda tem assumido cada vez mais o papel de articulador das melhores práticas no segmento e, por isso, convidamos as empresas a serem parceiras do movimento Sou de Algodão, trazendo às plataformas suas peças com, pelo menos, 70% de algodão em sua composição e suas iniciativas em sustentabilidade”, afirma Edmundo Lima, diretor executivo da ABVTEX, nova apoiadora da iniciativa.

O Brasil é considerado o maior produtor de algodão sustentável do mundo, devido às suas práticas que visam o o desenvolvimento de sua produção em três pilares: social - garantindo os direitos do trabalhador, como remuneração justa e benefícios que incluem sua família, tal como moradia, educação, lazer, alimentação e saúde, além de tratamento sem discriminação; ambiental - preservando os recursos naturais e reduzindo os impactos da cultura; e econômico - avaliando se responde ao investimento financeiro e remunera o produtor.   O atendimento de todos os critérios certifica a produção como sustentável com o selo ABR (Algodão Brasileiro Responsável), e permite o licenciamento BCI (Better Cotton Initiative).

ABIT, ABEST, Highstil, Love Secret, Norfil, Cor com Amor, Estyllus, Mon Petit, Inbordal, Bordana, Toalhas Appel e Etiqueta Certa também apoiam o Movimento Sou de Algodão.
 
 

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirIndústria