Michael Kors finaliza a aquisição da Jimmy Choo

Depois de conseguida uma autorização após a outra, a aquisição da marca britânica Jimmy Choo pela americana Michael Kors foi concluída. Esta última anunciou a finalização da aquisição em 1 de novembro, dando oficialmente vida a um novo grupo de luxo internacional. 

Coleção Cruise 18 - Jimmy Choo

O valor final da transação é de 1,35 bilhões de dólares, ou 1,16 bilhões de euros, um valor anunciado desde o final de julho passado, assim como a aceitação da oferta por parte do vendedor da Jimmy Choo, a família alemã Reimann, através da sua holding JAB Luxury.
 
John D. Idol, CEO da Michael Kors Holdings Limited, disse: “Estamos muito satisfeitos por concluir a aquisição da Jimmy Choo, que une duas marcas emblemáticas para criar um grupo global de moda de luxo. A Jimmy Choo tem uma história rica enquanto casa de luxo global, reconhecida pelos seus sapatos glamourosos e vanguardistas, pelo que é um excelente complemento para a marca Michael Kors.”
 
Agora, o objetivo definido pela nova proprietária é levar a Jimmy Choo até aos bilhões de dólares em vendas , mais do dobro dos valores de 2016, com especial atenção sobre o calçado masculino e o continente asiático. Para levar a cabo esta estratégia, o CEO Pierre Denis e a diretora artística Sandra Choi manterão os seus cargos atuais.
 
Sozinha, a marca Michael Kors regista um volume de negócios de 4,5 bilhões de dólares por ano, ainda que os números tenham caído 4,6% durante o exercício anterior, encerrado em 1 de abril.

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Luxo - CalçadosNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER