Marisa encerra o primeiro trimestre com prejuízo líquido de 41,1 milhões de reais

A rede brasileira de moda feminina, Marisa, anunciou que registrou um prejuízo líquido de 41,1 milhões de reais no primeiro trimestre de 2018, ante a um lucro de 14,7 milhões de reais no mesmo período do ano anterior, que teve créditos tributários referentes ao PIS/COFINS de 75 milhões. No primeiro trimestre de 2018, a recuperação de créditos foi inferior (32 milhões de reais).


Marisa

A receita operacional líquida do varejo (ROL) totalizou 429,3 milhões de reais, com queda de -3,9% em mesmas lojas, devido à redução da área média de vendas em -1,5%, resultante do fechamento de 9 lojas no primeiro trimestre. A Marisa fechou o período com 387 lojas, uma redução de -0,5%, e 405 mil metros quadrados em área de vendas.

O lucro bruto do varejo atingiu 208,3 milhões de reais, com margem bruta de 48,5% e o SG&A do varejo foi de 263,3 milhões de reais, com redução nominal de -0,3% ano a ano. Na operação de produtos e serviços financeiros, a empresa ressaltou que registrou sólidos resultados, com EBITDA de 73,3 milhões de reais.

Em um comunicado, a empresa destacou que a queda nas vendas de janeiro e fevereiro ocorreu, principalmente, devido à antecipação do carnaval, que resultou na queda do fluxo de clientes nas lojas; ao desbalanceamento do estoque, e ao impacto temporário da implementação da nova setorização nos setores feminino e lingerie em diversas lojas. O mês de março, teve um desempenho melhor e uma boa aceitação da nova coleção, segundo a empresa. 

Os resultados do trimestre foram impactados negativamente pela “performance tímida das vendas no varejo, em especial nos meses de janeiro e fevereiro”, comentou a empresa. "As vendas ainda continuaram sendo afetadas por fatores internos de execução e também pelo ambiente macro, com a frustração na retomada econômica e manutenção do elevado nível de desemprego”, destacou.

No primeiro trimestre do ano, foram lançados os pilotos das novas categorias celulares e cosméticos, que segundo a administração "pode representar uma importante alavanca de fluxo cross-sell e PSF”.

A Marisa foi fundada em 1948, em São Paulo, por Bernardo Goldfarb, e é a maior rede de moda feminina e lingerie do Brasil. Atualmente, ela está presente em todos os estados e capitais do país com quase 387 lojas físicas, todas próprias, com tamanhos que vão de 250 metros quadrados (Marisa Lingerie) a 2000 metros quadrados (Marisa Ampliada), além da loja online. A empresa vende moda, calçados e acessórios, e também possui uma divisão de produtos e serviços financeiros, associada ao financiamento de seus clientes.
 

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Moda - Pronto-a-vestirNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER