Lucro trimestral da Ralph Lauren sobe 83%

A Ralph Lauren Corp. divulgou lucro e receita trimestrais melhores do que o esperado na terça-feira, uma vez que a fabricante de roupas de luxo vendeu mais produtos pelo preço integral e manteve um controle rígido sobre os custos.


Reuters

As ações da empresa, conhecida por suas camisas pólo com uma pegada clube de campo chic, subiram quase 2% antes do início do pregão, o que deve aumentar seu ganho em mais de 30%.  este ano.

A empresa sediada em Nova York, como seus concorrentes Tapestry e PVH, proprietária da Calvin Klein, retirou seus produtos das prateleiras das lojas de departamentos, onde estavam com um grande desconto, para recuperar seu status de marca premium.

A Ralph Lauren também se concentrou em suas principais marcas, cortou empregos, reduziu o excesso de estoque e fechou lojas de baixo desempenho, ao mesmo tempo em que impulsionou sua cadeia de suprimentos para trazer a última moda às lojas com mais rapidez.

Isso ajudou a impulsionar as margens da empresa. As margens brutas aumentaram 120 pontos base, enquanto a receita média por unidade vendida subiu 8% no primeiro trimestre em relação ao ano anterior. O lucro líquido saltou para 109 milhões de dólares, ou 1,31 dólar por ação, nos três meses encerrados em 30 de junho, de 59,5 milhões de dólares, ou 72 centavos por ação, um ano antes, graças também à uma taxa mais baixa.

Excluindo alguns itens, a empresa faturou 1,54 dólar por ação, superando a estimativa média dos analistas de 1,36 dólar, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S. A receita subiu 3,2% para 1,39 bilhão de dólares, o primeiro aumento em pelo menos 13 trimestres, também superando a estimativa de 1,36 bilhão de dólares.

Traduzido por Novello Dariella

© Thomson Reuters 2018 All rights reserved.

Moda - Pronto-a-vestirLuxo - Pronto-a-vestirNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER