Líder em artigos esportivos no Brasil, Adidas foca em comércio eletrônico no país

Em meios aos anúncios recentes do CEO da empresa alemã de artigos esportivos, Kasper Rorsted, que informou em entrevista ao Financial Times que fechará diversas lojas da Adidas para focar na operação digital, a empresa mostra que já vem seguindo essa estratégia desde o ano passado no mercado brasileiro.


Adidas

Em 2017, segundo dados da Euromonitor International para o jornal Valor, a Adidas se consolidou como líder no mercado brasileiro de artigos esportivos, conquistando 23,6% de participação de mercado, seguida pela Nike, com 20%, e pela Asics, com 6%. 

O resultado da Adidas no Brasil se deve às vendas online da empresa. No país, a marca reduziu fortemente a publicidade em TV e fez investimentos em influenciadores, como a youtuber Kéfera e a cantora Anitta, além dos portais SneakersBR e Mahamudra Brasil para impulsionar as vendas online. 

Segundo a Euromonitor, no ano passado, o mercado de artigos esportivos cresceu 3% para 5,87 milhões de reais no Brasil. Quanto às vendas de tênis, de acordo com dados da Kantar Worldpanel para o Valor, o mercado online é o que mais cresce. Enquanto o varejo de tênis sofreu redução de 3,2% em volume no ano passado, as vendas online aumentaram 23%, e agora representam 3% das vendas totais de tênis no Brasil.

Em 2017, o faturamento do e-commerce Adidas foi de 1,6 bilhão de euros, e a empresa estima atingir 4 bilhões de euros em vendas em 2020. Além do e-commerce, a Adidas conta com uma rede de 25 lojas espalhadas pelo Brasil.
 

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

EsporteDistribuição