JD e L Catterton Asia investem no portal e-commerce de luxo Secoo

O gigante chinês da venda online associou-se à empresa de capital privado L Catterton Asia para injetar 175 milhões de dólares no portal de comércio eletrônico de luxo Secoo.

Secoo

Ao selar o acordo, a Secoo, a maior varejistas multimarca high-end da Ásia, garante as suas oportunidade de crescimento no crescente mercado do luxo da China, usufruindo da experiência da L Catterton Asia em moda global e varejo e da expertise da JD no domínio do e-commerce.

"Ao estabelecer relações com parceiros importantes nos domínios do consumo, bens de luxo e e-commerce, a Secoo fica bem posicionada para ganhar visibilidade e aumentar a sua reputação na área do comércio eletrônico de luxo", disse Richard Li, CEO da Secoo.

Li realçou também que o contrato permitirá à empresa penetrar noutros mercados internacionais.

"Através desta parceria, a Secoo será capaz de tirar partido da expertise operacional e dos vastos recursos da L Catterton e da JD para expandir e aprofundar a sua presença no mercado, não apenas na China, mas em todo o mundo."

Atualmente, a Secoo distribui cerca de 300 mil produtos, disponibilizados por mais de 3 mil marcas internacionais e chinesas, através do seu site, de uma aplicação de compras e de centros físicos.

"A venda online continua a desempenhar um papel cada vez mais importante para os consumidores, independentemente da sua categoria demográfica, e, como comprova o nosso investimento, acreditamos que a Secoo é uma das plataformas de luxo mais sólidas do mercado chinês", afirmou Ravi Thakran, presidente e sócio-gerente da L Catterton Asia.
 
"Estamos ansiosos por trabalhar com Richard e a sua excelente equipa para levar a Secoo para o próximo nível e desenvolver continuamente a plataforma para os consumidores high-end."

Braço asiático da L Catterton - a sociedade de investimento da LVMH e do Groupe Arnault -, a L Catterton Asia conta, no seu portfólio, com as empresas Trendy International, Pepe Jeans e Gentle Monster. A empresa tem estado determinada em diversificar os seus investimentos, tendo apostado recentemente na marca australiana de moda praia de alta gama Seafolly, na marca de sportswear 2XU e, este ano, no joalheiro balinês John Hardy.

Todas as empresas chinesas de e-commerce procuram controlar o lucrativo mercado local de luxo, como se viu nos lançamentos recentes de plataformas alta gama em grandes sites de venda online ( a página Toplife da JD e o Luxury Pavilion da Alibaba). O investimento na Secoo permitirá à JD expandir ainda mais o seu alcance neste cobiçado mercado.

"Esta parceria permitir-nos-á melhorar as nossas competências no domínio do luxo e fornecer a melhor experiência de compra de luxo possível aos consumidores chineses", disse Shengli Hu, presidente da JD Fashion & Lifestyle. "Os consumidores chineses são cada vez mais exigentes quanto às suas compras de luxo, exigindo mais variedade e escolha do que nunca. À medida que procuramos continuar a dar resposta a essa demanda, esta colaboração com a Secoo é particularmente promissora.”

Traduzido por Estela Ataíde

Copyright © 2018 FashionNetwork.com. Todos os direitos reservados.

Luxo - Pronto-a-vestirNegócios
ASSINE A NOSSA NEWSLETTER